Partilhar

Como resolver problemas familiares

 
Por Marta Menéndez, Psicóloga. 30 junho 2020
Como resolver problemas familiares

Até as famílias aparentemente mais estabelecidas e felizes em algum momento de sua vida familiar precisam lidar com problemas em seus relacionamentos. Um conflito pode ocorrer quando os membros da família têm diferentes opiniões ou crenças sobre diversos assuntos, outras vezes, pode ser causado por mal-entendidos que levam a conclusões erradas.

Quando esses conflitos não são resolvidos adequadamente, podem levar às discussões e ressentimentos, até o rompimento familiar. Neste artigo de Psicologia-Online, mostramos como resolver problemas familiares de maneira adequada.

Tipos de problemas familiares

Alguns problemas familiares podem ser causados por:

Problemas de confiança

A falta de confiança nas relações familiares pode levar a problemas no relacionamento. Sem confiança, o relacionamento perde sua segurança. Isso pode levar a comportamentos prejudiciais, como sentimentos de desconfiança ou posse, não constituindo o relacionamento um apoio.

Diferentes expectativas

Frequentemente, os problemas nas famílias aparecem quando um dos membros tem expectativas à longo prazo diferentes dos outros, particularmente em relação à carreira profissional, desejos familiares, etc.

Mudança de circunstâncias

Como família, é difícil que todos os membros evoluam ao mesmo tempo. Por isso, a família precisa se reajustar a cada etapa. No entanto, em alguns casos, essas disparidades podem levar a conflitos familiares.

Má comunicação

Ironicamente, embora hoje possamos estar mais comunicados que antes, as pessoas se comunicam de maneira pior. O sucesso de uma família está, entre outras coisas, em uma comunicação eficaz. Uma boa comunicação não precisa ser contínua durante todos os dias sobre banalidades, mas deve tratar de uma interação real expressando sentimentos, desejos e medos.

Como resolver problemas familiares - Tipos de problemas familiares

Como resolver problemas familiares

Quando precisamos libertar você das emoções negativas, os negociadores sugerem metaforicamente que vamos à varanda e vejamos o conflito com certo desapego. É mais fácil falar do que fazer. Mas aqui mostraremos uma estratégia de três passos que permitirá que você se afaste do problema e obtenha um pouco de clareza para poder resolver um conflito familiar.

Sua própria perspectiva

Esta etapa requer um alto grau de autoconsciência e autoconhecimento. Isso é feito perguntando-se o que realmente importa para você.

Que dor você está tentando evitar? Do que você está se protegendo? Que necessidades você está tentando satisfazer? Você se sente seguro? Você está tentando se conectar com os outros ou se sente conectado com você mesmo?

Você deve tentar esclarecer o que o conflito supõe realmente para você ou qual é realmente o conflito dentro de você.

De fato, o mais provável é que, enquanto a luta esteja em um assunto específico, na verdade você está buscando algo que se encontra em um nível mais profundo. Portanto, o importante é averiguar o que é isso através de um exercício de introspecção.

A perspectiva do outro

Esta etapa é fundamental. Requer que você tenha empatia e que, através dessa empatia, alcance uma compreensão maior sobre o que está acontecendo.

Você deve se colocar no lugar dos outros. Por um momento, deixe seu próprio julgamento de lado e faça o que é mais adequado para ver a situação que você está enfrentando da perspectiva do outro.

O que pode estar influenciando a posição do outro? Que experiências perfilam seu pensamento? O que acontece na sua vida? Que necessidades está satisfazendo com um comportamento específico? Está procurando chamar a atenção, amor, etc? Por fim, qual é a intenção da outra parte?

Você deve ir além e se perguntar: como os outros podem interpretar minhas palavras e comportamentos? O que posso fazer de diferente para conhecer as necessidades subjacentes dos outros e satisfazer as minhas ao mesmo tempo?

Quando você combina os “insights”, combina sua perspectiva e a dos outros, para alcançar uma maior compreensão do conflito e das maneiras de resolvê-lo.

A perspectiva da terceira parte

Muitas vezes, alguém que está fora do problema pode nos oferecer uma perspectiva nova sobre o problema que estamos tentando resolver. Nesta etapa, você deve se colocar na posição da terceira parte, observando a situação em que está envolvido.

Imagine que você está sentado no cinema, vendo um conflito projetado na tela como se fosse um filme. E você deve permanecer na perspectiva do espectador, o que você pode dizer dos comportamentos dos personagens do filme? Que conselho você poderia dar como parte não envolvida no problema familiar?

Portanto, esta estratégia permite que você veja o conflito familiar de três perspectivas, fazendo com que você se distancie emocionalmente do problema, obtenha maiores insights e possa alcançar uma compreensão maior e mais profunda. Portanto, esta estratégia permite que você possa resolver o conflito de maneira assertiva.

Como resolver problemas familiares - Como resolver problemas familiares

Problemas familiares: o que fazer

Embora seja verdade que cada família é única, os problemas de relacionamento que as famílias precisam enfrentar frequentemente são similares, portanto, outras dicas para saber como resolver problemas familiares são as seguintes:

Negocie

Algumas sugestões incluem:

  • Resolva o problema se você acha que vale a pena fazê-lo
  • Tente diferenciar ou separar a pessoa do problema
  • Se você está muito irritado, tente se acalmar antes de agir
  • Você deve ter em mente que a ideia é resolver o conflito e não ganhar uma discussão
  • Lembre-se que a outra parte não é obrigada a sempre concordar com você em tudo

Defina o problema

  • Respeite o ponto de vista da outra pessoa prestando atenção e escutando
  • Fale de maneira clara e razoável
  • Tente encontrar pontos em comum
  • Aceite em discordar

Tente ouvir

  • Tente ficar calmo
  • Tente colocar as emoções de lado
  • Não interrompa a outra pessoa enquanto ela estiver falando
  • Ouça de maneira ativa os outros
  • Certifique-se de entender o que a outra pessoa está dizendo, se necessário, pergunte
  • Comunique sua visão do problema de maneira clara e honesta
  • Resista ao desejo de solucionar o problema rapidamente e reserve o tempo necessário

Trabalhe em equipe

  • Forneça a maior quantidade de soluções possíveis
  • Comprometa-se
  • Certifique-se que cada um de vocês entenda a solução escolhida
  • Depois que a solução está decidida, você deve respeitá-la e aderir à ela
  • Faça um contrato, se for necessário

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como resolver problemas familiares, recomendamos que entre na nossa categoria de Conflitos familiares.

Escrever comentário sobre Como resolver problemas familiares

O que lhe pareceu o artigo?

Como resolver problemas familiares
1 de 3
Como resolver problemas familiares

Voltar ao topo da página