menu
Partilhar

Como ser uma pessoa mais segura

 
Por Equipe editorial. 22 setembro 2021
Como ser uma pessoa mais segura

Um dos principais ingredientes da felicidade é a autoconfiança. Isto é, esta percepção interior que você tem quando sabe que em você mesmo pode encontrar um bom amigo que te acompanha sempre. Você é a pessoa com maior influência sobre a sua própria vida, através dos seus pensamentos, comportamentos e ações. A segurança em você mesmo não é inata, se cultiva através da experiência. O que você pode fazer para consegui-la?

Se você se pergunta como ser uma pessoa mais segura em Psicologia-Online te damos o caminho das pedras, com sugestões práticas que podem ser adaptadas as circunstâncias da sua vida.

Também lhe pode interessar: Como deixar de ser uma pessoa tóxica

Como ser uma pessoa mais segura: conselhos da psicologia

Algumas pessoas sentem-se negativamente condicionadas porque olham para o seu potencial de uma forma determinista. Ou seja, elas acreditam que porque se comportaram de certa forma até agora, não podem fazer nada para mudar esta situação no futuro. Por isso, é importante olhar para a sua capacidade real de gerar novas opções de mudança a partir de novas respostas. Se agir sempre de uma forma previsível, os resultados também são previsíveis.

Se quiser ter mais autoconfiança, então está numa situação que, expressada de uma forma simples, mostra a distância entre dois pontos: o momento atual em que se encontra e o ideal que gostaria de alcançar, no qual se visualiza com a autoconfiança pela qual anseia.

Este processo consiste em um plano de ação que é composto por etapas concretas e específicas que se ligam a esse objetivo global. A terapia pode ser especialmente útil para reforçar o seu empenho em aumentar a sua autoconfiança.

Como o pensamento influencia a autoconfiança

Há um lado teórico e um lado prático na vida. A nível teórico, pode ajudar saber que a forma como você pensa sobre si próprio e as circunstâncias externas influenciam a maneira como se posiciona nessa realidade. Uma pessoa com um baixo nível de autoconfiança pode boicotar o seu crescimento com pensamentos negativos, ideias limitantes e crenças irracionais que, a um nível emocional, produzem um sentimento óbvio de inadequação e impotência.

Por esta razão, a nível da ação, pode acontecer que a pessoa se deixe levar pelo efeito de evitar certas situações. Ou podem agir por medo, preocupação e antecipação mental do fracasso. Neste caso, a chave é aumentar a autoestima e a autoconfiança.

Uma vez tomada consciência de como os seus próprios pensamentos podem alimentar a sua autoconfiança ou destruí-la, o que pode fazer a nível da ação para interiorizar esta realidade? A aprendizagem vital é aquela que é acompanhada por lições práticas. Portanto, as ações que constituem um desafio a superar são um bom exemplo de como, ao enfrentar essa situação num ambiente seguro, pode alimentar os alicerces da sua autoestima e autoimagem.

Como ser uma pessoa mais segura - Como ser uma pessoa mais segura: conselhos da psicologia

Como ser mais segura/o com exercícios práticos

Sabemos que pode ser difícil aumentar a autoconfiança, e é por isso que oferecemos os seguintes exercícios para te ajudar quando você se perguntar como ser mais segura/o.

Fale com um estranho

Por exemplo, você pode pedir a alguém que ande pela rua informações sobre onde se encontra um determinado endereço. Ou você pode perguntar-lhe que horas são. Estes são exemplos diários de situações que você provavelmente já praticou em algum momento de sua vida. Exemplos simples que o ajudam a sair de sua zona de conforto.

Entregue seu CV cara a cara

Se você está procurando um emprego, você pode estabelecer o objetivo de entregar seu CV em mãos a uma das empresas para as quais você gostaria de trabalhar. Embora o envio de seu CV por e-mail possa ser mais conveniente, você está praticando suas habilidades sociais em uma situação que é importante para você. Esta sugestão não pretende ser uma regra geral. Mas pode ser uma experiência positiva que você será encorajado a exercer com mais frequência a partir de agora.

Fazer uma pergunta em público

Se você é um estudante, pode fazer uma pergunta ao professor (muitos estudantes evitam fazer esta pergunta porque têm medo que outros pensem que é uma pergunta sem importância). Se você estiver trabalhando, pode fazer esta pergunta em uma reunião de negócios. Se você estiver em uma conferência, faça uma pergunta ao orador durante o período de perguntas.

Ponto de vista externo

Peça a cinco pessoas ao seu redor que lhe enviem uma mensagem no Whatsapp ou e-mail com seis qualidades positivas que eles apreciam em você. Este exercício é construtivo porque permite que você se veja através dos olhos dos outros. E você pode se surpreender ao perceber que sua autoimagem não coincide em muitos aspectos com a forma como os outros o veem.

Envolver-se em uma atividade voluntária

Enquanto o ambiente profissional às vezes pode ser vulnerável devido ao efeito que a competitividade e a produtividade têm na autoconfiança, o ambiente humano que acompanha a experiência de voluntariado é, por si só, gratificante. Através da prática de uma atividade que você desfruta, você se sente valioso e competente.

Lista de qualidades

Faça um brainstorming de aspectos positivos que você gosta em si mesmo. Se preferir, você pode focar este brainstorming na descrição de situações em sua vida nas quais você se sentiu orgulhoso de si mesmo por causa da maneira como agiu. Mantenha estas informações em um local de fácil referência para que você possa relê-las com a frequência que precisar no futuro.

Como ser uma pessoa mais segura - Como ser mais segura/o com exercícios práticos

Como aumentar a autoconfiança seguindo 5 conselhos

    1. Não se compare com os outros. Meça sua evolução por si mesmo. É aí que está o verdadeiro crescimento. Veja o exemplo de outros não sob a perspectiva de comparação, mas sob a perspectiva de admiração. Você pode colocar em prática as atitudes que admira nos outros.
    2. Descubra como. Na maioria das vezes, não há um único caminho para um fim. Portanto, faça um plano de ação com o qual você se sinta confortável. Tente empatizar consigo mesmo/a.
    3. Aprecie sua intenção positiva de se sobressair sem valorizar constantemente os resultados das ações. Valorize e celebre seu compromisso.
    4. Organize uma viagem sozinho/a. Quando você viaja sozinho/a, você não tem outra pessoa a quem possa delegar certas decisões e assume a total responsabilidade pela organização da viagem. Você pode começar programando uma viagem de fim de semana para um destino próximo a onde você mora.
    5. Reforce todos os dias a mensagem positiva de que você é uma pessoa única e que não há outro ser humano que seja o mesmo que você. Você não só pode repetir esta mensagem para si mesmo/a com mais frequência, como também pode reforçar esta ideia para os outros.

    Seguindo estes conselhos você, com certeza, aprenderá como ser uma pessoa mais segura.

    Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

    Se pretende ler mais artigos parecidos a Como ser uma pessoa mais segura, recomendamos que entre na nossa categoria de Crescimento pessoal e autoajuda.

    Escrever comentário

    O que lhe pareceu o artigo?

    Como ser uma pessoa mais segura
    1 de 3
    Como ser uma pessoa mais segura

    Voltar ao topo da página