Crescimento pessoal e autoajuda

Como vencer a timidez?

 
Anna Rafaela Pires
Por Anna Rafaela Pires. 18 agosto 2022
Como vencer a timidez?

Como superar a timidez é algo muito buscado por diversas pessoas em todo o mundo. A timidez pode afetar diversas áreas da vida de um indivíduo, sendo mais forte em algumas pessoas e menos em outras e é importante saber diferenciar timidez e fobia social.

Neste artigo você irá aprender como diminuir a timidez e reconhecer se aprensenta um quadro de fobia social. Ficou interessado(a)? Em Psicologia-Online lhe ensinaremos como vencer a timidez.

Também lhe pode interessar: Como ser extrovertido
Índice
  1. O que é a timidez
  2. Grau de timidez
  3. Fobia social ou timidez
  4. Por que sinto timidez
  5. Como vencer a timidez

O que é a timidez

Antes de entender como deixar de ser tímido, primeiro vamos entender melhor, o que é a timidez. Ela geralmente está associada ao temperamento do indivíduo, ao contrário do que muitos acreditam – timidez não é uma doença e nem introversão.

Ela é um dos elementos da personalidade. Basicamente se trata do medo em relação as outras pessoas, em situações específicas ou generalizadas.

Mesmo sendo um traço da pessoa, pode sim causar problemas. Existem pessoas que não irão se incomodar com a própria timidez, enquanto outras buscam vencer a timidez devido aos problemas que ela causa em sua vida profissional, pessoal e social.

Alguns fatores que podem aumentar a timidez ou seu nível patológico:

  • Nível de estresse no ambiente
  • Sintomas decorrentes do estresse
  • Falta de autocontrole
  • Reforço dos comportamentos tímidos ou fóbicos sociais

Grau de timidez

O primeiro passo para melhorar a timidez é reconhecer se realmente está apenas vinculada ao traço de personalidade ou se tem outros fatores envolvidos, como:

  • Estressores
  • Ambiente disfuncional
  • Fobia social
  • Transtornos ansiosos

Para entender mais sobre nossa própria timidez, é necessário que tenhamos noção do nível de ansiedade que sentimos em momentos de exposição.

O que geralmente diferencia algo patológico ou natural é a sua intensidade, seus sintomas e efeitos. Para alguns a timidez apenas fará evitar a situação estressante enquanto para outros pode apresentar fortes sintomas físicos e desespero emocional afetando de maneira abrangente a vida do indivíduo.

Você deve se fazer algumas perguntas para ter uma noção do grau da sua ansiedade:

  • "Minha timidez causa sintomas e problemas na minha vida?"
  • "São problemas que eu supero facilmente ou que me incomodam e atrapalham de maneira muito intensa?"
  • "A minha timidez me paralisa?"
  • "Eu sinto um medo tão grande que eu tenho crises de pânico ou de ansiedade?"
  • "Quando me sinto tímido, eu tenho sintomas físicos muito fortes?"
  • "Eu acredito que seja uma ansiedade comum ou algo fora do normal entre outros seres humanos?"

Essas perguntas vão lhe ajudar a entender o grau da sua timidez e o quanto ela te incomoda.

Fobia social ou timidez

O DSM-V[1]possui alguns critérios de diagnóstico para fobia social, eles podem ser usados como base para uma autoavaliação, contudo não devem ser usados para autodiagnóstico.

O diagnóstico é feito por um médico geralmente acompanhado de uma equipe multiprofissional. Os critérios são os seguintes:

  • Medo intenso e persistente em uma ou mais situações sociais ou onde se demonstra desempenho (por exemplo, competições ou ambientes onde se mostre alguma habilidade – um exemplo seria andar de skate na frente de outras pessoas)
  • Apresenta ansiedade quase sempre que está exposto a situações sociais
  • O indivíduo reconhece que seu medo é excessivo ou irracional
  • As situações são evitadas ou toleradas com intensa ansiedade ou desconforto
  • Evitamento, ansiedade antecipatória e desconforto que afetam a rotina do indivíduo prejudicando seu funcionamento
  • Duração de pelo menos 6 meses
  • Não pode ter relação com os efeitos fisiológicos de alguma substância (drogas, álcool e medicamentos)

Questionário de Ansiedade Social

Algumas perguntas retiradas do questionário CASO[2], usado para identificação de possíveis sintomas da fobia social (use apenas como parâmetro, não deve ser usado para fins diagnósticos sem apoio de um profissional de saúde).

Todas as perguntas devem ser respondidas dessa forma:

De 1 a 5, onde 1 é quase nada e 5 é muitíssimo - quanto maior o número, maior a probabilidade.

  • Medo de cumprimentar alguém e não ser correspondido
  • Medo de ter que dizer a um vizinho que pare de fazer barulho
  • Medo de queixar-se que a comida não está boa ao garçom
  • Medo de dizer a alguém que feriu meus sentimentos ou de expressar minha raiva quando me incomoda
  • Medo de que façam brincadeiras comigo em público

Em caso de que você acredite que apresenta um quadro de fobia social, é importante consultar um/a psicólogo/a que pode te orientar no tratamento adequado.

Por que sinto timidez

Agora que você já tem uma noção do grau da sua timidez, vamos entender melhor como ela acontece e como acabar com a timidez.

A timidez está principalmente vinculada ao medo de ser avaliado/a negativamente, se sentir inferior e não reagir bem aos sintomas físicos da ansiedade em situações de exposição, retroalimentando os sentimentos e sensações negativas.

Medo de ser avaliado negativamente

O medo de ser rejeitado está em diversas patologias, mas, afinal, quem gosta de ser rejeitado/a? Na timidez é um pouco diferente pois o medo principal da pessoa tímida é ser avaliada de maneira negativa mesmo que nem sempre tenha vínculo com ser rejeitada diretamente.

Você é ou conhece alguém que quando está apresentando um seminário fica ansioso, tímido e nervoso de maneira excessiva?

No livro “Da timidez à fobia social”[3] de José Pinto Gouveia ele comenta:

Investigações em psicologia social (Kenny & DePaulo, 1993) mostraram que em todos os indivíduos a ideia da impressão que os outros têm deles é em parte baseada em autopercepções."


Esse fenômeno é um pouco mais intenso nos tímidos e extremamente disfuncional nos fóbicos sociais. Pois o medo de serem avaliados negativamente causa sensações cognitivas e físicas que aumentam a ansiedade.

Quando a ansiedade é aumentada fica mais difícil de reconhecer as situações de maneira racional – criando um ciclo, onde os sintomas da timidez e da fobia se retroalimentam.

Como vencer a timidez

Se você se pergunta como acabar com a timidez, pode fazê-lo utilizando as seguintes técnicas:

Autorregulação

Fazer respirações profundas buscando avaliar os próprios pensamentos e sensações físicas nas situações de estresse social.

Buscar entender o porquê da ansiedade usando técnicas de descatastrofização:

  1. "Qual a pior coisa que pode acontecer?"
  2. "E se o pior acontecer, o que eu faria?"
  3. "Eu iria sobreviver a isso?"
  4. "Algo muito ruim já me aconteceu antes?"
  5. "Afinal, por que tal acontecimento é tão terrível assim?"

Treino de Habilidades Sociais

Aprender a se comunicar melhor, iniciando e mantendo conversas, além de aprender a ouvir é o caminho para vencer a timidez. A timidez e a fobia social têm como característica a insegurança social, com o treinamento de habilidades a situação tende a ser menos estressante. Você pode aprender algumas técnicas no nosso artigo sobre extroversão.

Praticar a autorregulação e buscar o treinamento das habilidades sociais junto com exposição a situações em que se ficaria tímido são excelentes maneiras para superar a timidez. Sempre compreendendo a própria timidez como característica da personalidade, não desrespeitando a si mesmo.

E aí? Conseguiu ter uma noção melhor se você tem timidez ou fobia social?

E agora você tem noção do que fazer quando se sentir ansioso entre as pessoas, certo? Agora que você já sabe como vencer a timidez pode compartilhar este artigo com outras pessoas que acredita que possa ajudar.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como vencer a timidez?, recomendamos que entre na nossa categoria de Crescimento pessoal e autoajuda.

Referências
  1. AMERICAN PSYCHIATRIC ASSOCIATION - APA. Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais: DSM-5. Porto Alegre: Artmed, 2014.
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
Como vencer a timidez?