Neuropsicologia

Menstruação mexe com o emocional?

 
Andrea Fernández García
Por Andrea Fernández García. 8 setembro 2022
Menstruação mexe com o emocional?

Você sabia que as pessoas têm ciclos hormonais que afetam os sentimentos? Neste sentido, o ciclo menstrual pode nos afetar física e psicologicamente, em maior ou menor grau. Não apenas as mulheres têm ciclos hormonais associados à menstruação, mas os homens também têm certos picos hormonais em uma base cíclica, o que explicaria algumas das mudanças emocionais que experimentam.

Como mulher, você certamente descobrirá que em certos momentos de seu ciclo menstrual você está mais animada, mais irascível, mais sensível ou eufórica, mas o que acontece com esse padrão? O que acontece durante o ciclo menstrual para causar essas mudanças? Se você estiver se a menstruação mexe com o emocional, continue lendo! Neste artigo de Psicologia-Online explicamos tudo isso para você.

Também lhe pode interessar: A ansiedade pode atrasar a menstruação?
Índice
  1. Menstruação - Fase 1
  2. Fase folicular - Fase 2
  3. Fase ovulatória - Fase 3
  4. Fase lútea - Fase 4
  5. Efeitos do estradiol e da progesterona nas emoções

Menstruação - Fase 1

Em termos de mudanças físicas e emocionais, no início do ciclo menstrual, os níveis hormonais, como estrogênio e progesterona, diminuem. Isto faz com que o endométrio se descame e seja eliminado através da vagina, resultando na menstruação.

Neste sentido, o primeiro dia de sangramento menstrual é o primeiro dia do novo ciclo menstrual. Os hormônios sexuais começam a aumentar novamente no início do ciclo, levando a uma nova proliferação folicular. A seguir mostraremos os sentimentos durante a menstruação.

Fase folicular - Fase 2

O segundo período do ciclo menstrual, conhecido como a fase folicular, é o período entre a menstruação e a ovulação e dura entre 10 e 12 dias. Nesta fase, o cérebro libera um hormônio chamado hormônio folicular estimulante (FSH) que induz o ovário a desenvolver folículos dentro dos quais os óvulos são encontrados.

Apenas um desses folículos alcançará maior desenvolvimento, chamado folículo dominante, e será responsável por liberar o óvulo do ciclo. Os folículos liberam estradiol, o que faz com que o endométrio comece a engrossar.

Assim, dentro do ciclo menstrual e de suas fases emocionais, a ação da progesterona secretada durante esta fase folicular produz uma sensação de calma e serenidade.

Fase ovulatória - Fase 3

Quando os níveis de estrogênio estão altos, a glândula pituitária recebe um sinal que causa um aumento nos níveis de hormônio luteinizante (LH). O pico de LH causa a liberação do óvulo do ovário para as trompas de Falópio, que ocorre no meio do ciclo, por volta do 14º dia.

Nesta fase, o óvulo está esperando por um espermatozóide para fertilizá-lo. Se isso não acontecer, o óvulo envelhece e não pode mais ser fertilizado.

Mudança de humor na ovulação

Nesta fase ovulatória, o estradiol estimula a criação de serotonina e dopamina. Ambos os neurotransmissores estão intimamente ligados a sentimentos de bem-estar, prazer e felicidade. Além disso, o desejo sexual também é aumentado.

Se você se encontra com dificuldade de sentir desejo sexual, veja nosso outro artigo sobre falta de desejo feminino e o que fazer para solucionar.

Menstruação mexe com o emocional? - Fase ovulatória - Fase 3

Fase lútea - Fase 4

Finalmente, a fase lútea é a fase após a ovulação e antes da próxima menstruação. Dura entre 9 e 16 dias, cerca de 14 dias em média. O óvulo se move através da trompa de Falópio esperando para ser fertilizado por um espermatozóide para dar origem a um embrião. Por sua vez, uma vez liberado o óvulo, o folículo dominante torna-se o corpus luteum, que progressivamente produz progesterona.

Durante esta fase, o endométrio sofre alterações induzidas pela progesterona a fim de dar lugar à gravidez ou desintegrar-se durante a menstruação, caso não ocorra a gravidez. Se o óvulo não for fertilizado, o corpo lúteo se desintegra entre os dias 9 e 11 após a ovulação e os níveis de estrogênio e progesterona diminuem, levando à próxima menstruação.

Ao longo deste processo, o ciclo menstrual e o humor estão intimamente ligados. Especificamente, na fase lútea os sintomas emocionais, comportamentais e somáticos geralmente diminuem, entretanto, autores como Lougue e Moos (1986) sugerem que tais sintomas ou distúrbios relacionados à menstruação devem ser considerados como perimenstruais, pois podem persistir mesmo que a menstruação tenha terminado.

Efeitos do estradiol e da progesterona nas emoções

Quais são os efeitos da mentruação no corpo? Estradiol e progesterona, hormônios ativos durante o ciclo menstrual, demonstraram influenciar a amígdala cerebral, córtex cingulado anterior, córtex insular e giro frontal. Eis em que eles estão envolvidos.

  • Amígdala cerebral: coordena as respostas endócrinas, autonômicas e comportamentais aos estímulos ambientais, especialmente as emoções. Ela também coordena as respostas ao estresse e à ansiedade.
  • Córtex orbital: desempenha um papel importante na motivação, humor, julgamento e percepção, bem como em reações emocionais condicionadas.
  • Córtex pré-frontal: recebe sinais da amígdala, núcleo septal e tálamo, portanto, quando é afetado, o raciocínio abstrato, o julgamento e o humor são alterados.

Isto explicaria porque a menstuação mexe com o emocional, já que estes hormônios estão diretamente envolvidos no humor e no processamento do conteúdo emocional através da amígdala.

Menstruação mexe com o emocional? - Efeitos do estradiol e da progesterona nas emoções

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Menstruação mexe com o emocional?, recomendamos que entre na nossa categoria de Neuropsicologia.

Bibliografia
  • Ocampo, A. (2017). Cambios emocionales relacionados con cambios hormonales durante el ciclo menstrual de la mujer. UNED [tesis doctoral].
  • Zanin, L. A., Correa, C. G., Paez, A. E., & De Bortoli, M. A. (2011). Sinatomatología emocional y ciclo menstrual. In III Congreso Internacional de Investigación y Práctica Profesional en Psicología XVIII Jornadas de Investigación Séptimo Encuentro de Investigadores en Psicología del MERCOSUR. Facultad de Psicología-Universidad de Buenos Aires.
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 3
Menstruação mexe com o emocional?