menu
Partilhar

Ele terminou, mas continua falando comigo: o que fazer

 
Por Susana Martinez. 2 janeiro 2024
Ele terminou, mas continua falando comigo: o que fazer

Você conheceu alguém especial, compartilhou momentos, criou um vínculo... mas a relação chegou ao fim. Por isso, você decidiu se afastar ou circunstâncias externas os separaram, no entanto, seu ex continua presente, enviando mensagens, ligando ou seguindo nas redes sociais para tentar manter aquela conexão que vocês uma vez tiveram. Nessa situação, é inevitável se perguntar por que ele faz isso.

Neste artigo de Psicologia-Online, explicaremos tudo sobre "ele terminou, mas continua falando comigo: o que fazer". Descubra as razões por trás desse comportamento, as possíveis consequências dessa decisão e dicas úteis para lidar com a situação.

Por que meu ex não quer parar de falar comigo?

Em primeiro lugar, é essencial reconhecer que cada situação é única, e as razões por trás do desejo de manter o contato após um término podem ser diferentes de uma pessoa para outra. Apesar dessa diversidade, alguns motivos comuns podem ajudar a entender os motivos por trás dessa situação. Vejamos:

  • Necessidade de encerramento: as relações terminam frequentemente com perguntas sem resposta ou questões pendentes, e algumas pessoas buscam manter o contato para esclarecer mal-entendidos, discutir assuntos pendentes, pedir desculpas ou obter uma explicação. Esse desejo de encerramento pode ser uma forma de processar emoções e encontrar paz para seguir em frente;
  • Comodidade: a relação era uma parte importante da vida, e pode ser difícil deixar completamente essa conexão. Manter o contato proporciona uma sensação de familiaridade e apoio emocional, mesmo que vocês não estejam juntos;
  • Solidão e nostalgia: essas podem ser razões significativas para manter o contato. As pessoas frequentemente sentem falta de seus ex e dos momentos vividos juntos;
  • Esperança de uma possível reconciliação: embora isso não garanta que a relação recomece, os sentimentos às vezes são tão intensos que podem ser suficientes para manter viva a esperança. Para saber mais, não deixe de ler nosso artigo sobre sinais que seu ex não te superou.

Consequências de manter contato com ex

As consequências de continuar falando com ex podem ser variadas e causar um grande impacto, já que essa dinâmica pode afetar tanto emocionalmente quanto na qualidade de vida em geral. A seguir, explicamos algumas das consequências mais comuns:

  • Confusão: manter o contato com um ex pode gerar confusão emocional. As emoções podem oscilar entre confusão, esperança de uma possível reconciliação e tristeza pelo término. Essa ambiguidade emocional pode dificultar o processo de cura e avanço;
  • Dificuldade para seguir em frente: manter viva a conexão entre vocês é algo que, por sua vez, pode dificultar a capacidade de ambos seguirem em frente. Isso pode prolongar o processo de luto e dificultar encontrar serenidade e aceitação nesse momento;
  • Conflitos: a relação após um término pode se tornar complicada e tensa, especialmente se houve feridas emocionais durante a separação. Manter o contato pode levar a discussões e conflitos, o que pode ser emocionalmente exaustivo;
  • Estagnação pessoal: em alguns casos, continuar em contato com um ex pode impedir o crescimento pessoal. Em vez de avançar em direção a novas metas e experiências, pode fazer com que você se concentre no passado;
  • Problemas em novos relacionamentos: manter uma relação próxima com um ex pode afetar negativamente novos relacionamentos. Potenciais parceiros podem se sentir desconfortáveis ou inseguros se perceberem que seu ex continua sendo uma parte importante de sua vida;
  • Possível idealização: a falta de distância emocional pode levar à idealização do relacionamento passado, fazendo com que o lembre muito melhor do que realmente foi. Isso pode dificultar a capacidade de aprender e evitar cometer os mesmos erros em futuros relacionamentos;
  • Negação do término: manter o contato com um ex pode levar à negação da ruptura, o que impedirá o processo de aceitação e adaptação à nova realidade. Neste artigo, você encontrará informações sobre as fases do luto amoroso e quanto tempo duram.
Ele terminou, mas continua falando comigo: o que fazer - Consequências de manter contato com ex

O que fazer se meu ex continua falando comigo

Encontrar-se na situação em que seu ex continua falando com você pode ser um cenário complicado de lidar. Abaixo, fornecemos alguns conselhos sobre o que fazer nessas situações:

  • Autoavaliação: reflita sobre seus próprios sentimentos em relação ao seu ex. Pergunte-se se você ainda tem interesse em manter algum tipo de relação com ele/ela, ou se prefere seguir em frente;
  • Comunicação: converse diretamente com seu ex. Pergunte quais são as razões para ele(a) querer continuar falando com você e compartilhe suas próprias opiniões e limites. Certifique-se de que ambos expressem suas expectativas a respeito;
  • Estabeleça limites: se decidir continuar conversando com seu ex, estabeleça limites claros desde o início. Determine como deseja que seja a comunicação, quais tópicos são apropriados e quando é o momento adequado para se comunicar;
  • Avalie seu grau de conforto com a situação: certifique-se de se sentir confortável com a ideia de manter o contato com seu ex. Se em algum momento se sentir pressionado ou desconfortável, expresse isso de maneira respeitosa;
  • Priorize seu bem-estar: não se sinta obrigado a manter o contato se sentir que isso afeta negativamente seu bem-estar emocional. Sua saúde e felicidade são o mais importante. Se a relação se tornar tóxica ou prejudicial para você, considere dar um basta;
  • Aceite a realidade: às vezes, manter o contato com um ex pode não ser benéfico a longo prazo. Aceitar a realidade de que a relação mudou e que ambos precisam de tempo sem contato para seguir caminhos separados é fundamental;
  • Busque apoio: apoiar-se em amigos ou procurar a ajuda de um terapeuta pode ser útil se sentir-se confuso e não souber como lidar com essa situação. Não pense duas vezes antes de compartilhar seus pensamentos e sentimentos com pessoas de confiança. Contar com uma rede de apoio ajudará a enfrentar essa difícil situação.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Ele terminou, mas continua falando comigo: o que fazer, recomendamos que entre na nossa categoria de Sentimentos.

Bibliografia
  • Bagnara, F. S. (2009). Psicología de la comunicación. Alejandro López-Rousseau.
  • Congost, S. (2023). ¿Por qué me escribe si ya no quiere estar conmigo? Silvia Congost, https://www.silviacongost.com/motivos-ex-te-sigue-escribiendo/

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
Ele terminou, mas continua falando comigo: o que fazer
1 de 2
Ele terminou, mas continua falando comigo: o que fazer

Voltar ao topo da página