Partilhar

Teste da casa: interpretação e como fazer

 
Por Claudia Pradas Gallardo. 25 junho 2019
Teste da casa: interpretação e como fazer

Hoje em dia, existem centenas de maneiras diferentes de analisar a personalidade. Descobrir como somos e como agimos diante de distintas situações da vida é um enigma que sempre gerou grande curiosidade. Por isso, ao longo da história, foi desenvolvido diferentes instrumentos de análise pessoal. O teste psicológico da casa forma parte de um conjunto de técnicas desenvolvidas há várias décadas. Esses testes psicológicos têm o objetivo de descobrir a personalidade de cada pessoa utilizando como única ferramenta a mente e sua projeção.

Se você quer saber um pouco mais sobre a sua personalidade e está interessado no teste da casa, como fazer e qual a interpretação, continue lendo esse artigo de Psicologia-Online.

Teste da casa: origem

Exste um ramo da psicologia que afirma poder analisar a personalidade de um indivíduo mediante as interpretações dos desenhos e imagens. Essa disciplina é muito comum na psicoanálise e na psicodinâmica. Para falar da origem da psicoanálise, é preciso voltar atrás mais de um século, ou seja, com o nascimento da terapia psicológica.

No final do século XVIII, começaram a estudar uma série de casos de mulheres que diziam estar doentes. Essas mulheres não pareciam ter nenhum doença física, no entanto, mostravam alguns sintomas mentais e comportamentos bastante graves. Nesse momento, um professor de anatomia chamado Charcor decidiu tratar esses sintomas mediante a hipinose. Pouco tempo depois, foi descoberto que as mulheres deixavam de estar doentes ou, pelo menos, os sintomas pareciam atenuar. Até os dias de hoje, continuam discutindo sobre a efetividade desse tratamento. Nos anos posteriores, diferentes especialistas despertaram interesse pela mente humana e os processos dela, entre eles estava Sigmund Freud, conhecido como o pai da psicoanálise.

Com a chegada da psicoanálise, também chegou a curiosidade por estudar a personalidade dos indivíduos, os traumas passados e os medos presentes. Dada essa necessidade de estudar o temperamento humano, se desenvolveram uma série de instrumentos denominados técnicas de projeção. Essas técnicas tem como base a interpretação do que diz e faz um sujeito como se tudo fosse uma avaliação da personalidade e do passado.

Teste da casa: interpretação e como fazer - Teste da casa: origem

Teste da casa: como fazer?

Essa ferramenta é uma das técnicas de projeção mais conhecidas hoje em dia, tal como outros testes psicológicos como o teste do desenho da família e o teste da árvore de Koch. O teste psicológico da casa é considerado uma técnica de projeção gráfica, uma vez que consiste em uma provocação escrita ou verbal para que o indivíduo tenha uma resposta do tipo gráfica. Esse instrumento costuma ser aplicado em crianças pois respondem melhor aos desenhos do quando realizam um questionário. No entanto, o teste da casa também pode ser realizado com adultos. O procedimento é muito simples:

  1. Você deve dizer a pessoa para desenhar uma casa em uma folha de papel (que, provavelmente, você deve oferecer) e não deve dar mais pistas, somente a ordem do desenho. Quanto mais liberdade tiver o indivíduo, mais partes da sua personalidade vai expressar.
  2. Observe como realiza o desenho, se risca coisas (sintoma de insegurança) ou se demora muito tempo em alguma parte em concreto do desenho.
  3. Realize uma série de perguntas quando terminar a tarefa, como: "Essa casa está habitada ou desabitada?" ou "Quem vive nessa casa?". Toda essa informação projetada através de uma simples casa, pode ser de grande ajuda para uma posterior interpretação da personalidade.
  4. Interprete o desenho mediante uma série de instruções já pautadas.

Teste da casa: interpretação

Depois de definir o teste da casa e mostrar como realizá-lo, é o momento de explicar corretamente a interpretação e significado do teste psicológico da casa. As diferentes partes da casa e como foram desenhados, demonstram diferentes tipos de personalidade.

Teste da casa: porta

Uma porta pequena pode ser reflexo de timidez extrema ou necessidade de se proteger de tudo que o rodeia. No entanto, uma porta grande é sintoma de extroversão ou, inclusive, dependência das relações sociais. Se a porta está aberta pode significar que a pessoa está disposta a comunicar-se sem problemas e expressar suas emoções. Se a porta está fechada, e se tem fechaduras nela, pode significar que a pessoa quer proteger a intimidade ou que tem medo de ser julgada pelos sentimentos ou pensamentos.

Teste da casa: janelas

Podem ser interpretadas como a forma como as pessoas veem tudo o que acontece ao redor, por isso, uma casa sem janelas expressa medo ou negação a enfrentar a realidade do mundo. Janelas abetas e grandes equivalem a muita disposição ao contato com o exterior, ser aberto com os demais e não ter medo. Por outro lado, as janelas fechadas e pequenas, podem ser sintoma de uma personalidade cautelosa e reservada com os demais.

Teste da casa: teto

O teto da casa é equivalente a mente e as ideias. Um teto muito grande em comparação à casa demonstra uma personalidade muito sonhadora ou idealista, com pouco contato com o mundo real. Um teto muito elaborado (com detalhes desenhados como telhado) representa uma mente racional ou criativa, com motivação pelas ideias mas sem perder de vista aquilo que conecta a mente com a realidade. Quando o teto está plano, pode ser sinal de que a pessoa se sente oprimida com o que a rodeia ou que sofreu problemas no núcleo familiar.

Teste da casa: aspectos gerais

  • Casa pequena: se a pessoa tiver desenhado uma casa sem ocupar muito espaço, pode estar demonstrando introversão e pouco vontade de chamar a atenção. Uma casa pequena pode ser reflexo de um complexo de inferioridade.
  • Casa grande: uma casa grande pode ser um claro sinal de alegria, comodidade e uma boa capacidade de amar e deixar-se amar.
  • Casa parecida com um castelo: esse fenômeno acontece mais com as crianças pequenas e pode refletir muita imaginação ou, se a criança foi um pouco maior, vontade de escapar da realidade.
  • Casa longe: desenhar um grande caminho antes de visualizar a casa, pode ser significar nostalgia ou que se anseia por algo do passado.

Teste da casa: outros elementos

  • Jardim: costuma ser um bom sinal ter desenhado um jardim ao redor da casa, demonstra boa capacidade de expressão e imaginação. No entanto, se o jardim estiver rodeado de muros ou cercas que não permitam vê-lo, pode ser sinal de agressividade ou insegurança.
  • Árvores: a existência de árvores no desenho pode ser uma expressão de abundância e de boa disposição a dar e fazer parte da sociedade.
  • Caminho: a análise do caminho deve ser parecida com a das janelas e portas. O desenho do caminho significa como a pessoa se sente em relação ao mundo exterior (reto, com pedras, bifurcações, curvas, entre outros).
  • Animais: os animais mostram um bom suporte afetivo, costuma ser a projeção da rede social de apoio. Alguns especialistas afirmam que a existência de sol no desenho representa a figura paterna.
  • Cabos de telefone ou antenas: esses elementos não costuma ser desenhado pelas crianças. Mostram uma personalidade obsessiva e extremamente detalhista, uma forte necessidade de manter uma rotina.
Teste da casa: interpretação e como fazer - Teste da casa: interpretação

Test da casa: resultados

Uma vez interpretados todos os elementos do desenho, é possível formar uma descrição bastante elaborada da personalidade. No entanto, as técnicas de projeção são objeto de críticas na psicologia moderna por serem tão gerais que estão sujeitas a interpretações pessoais.

Nesse artigo sobre o teste da casa, proporcionamos as ferramentas necessárias para poder fazer um perfil psicológico a partir da análise de um desenho. Se você quer saber mais acerca da sua personalidade, recomendamos que você leia também o teste psicológico do bosque.

Teste da casa: o que significa desenhar uma casa?

Como comentamos ao longo do artigo, esse teste psicológico tem como objetivo descobrir pensamentos e elementos da personalidade de difícil acesso. Porém, é importante comentar que o significado dos desenhos psicológicos é uma prática que já não é utilizada de maneira habitual. É verdade que pode servir como uma análise complementar para outros testes e, é curioso analisar o desenho de adultos e crianças. No entanto, as técnicas de projeção não costumam ser aplicadas de maneira isolada para analisar a personalidade de um indivíduo.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Teste da casa: interpretação e como fazer, recomendamos que entre na nossa categoria de Testes de Personalidade.

Escrever comentário sobre Teste da casa: interpretação e como fazer

O que lhe pareceu o artigo?

Teste da casa: interpretação e como fazer
1 de 3
Teste da casa: interpretação e como fazer

Voltar ao topo da página