Partilhar

Não sinto vontade de ter relação com meu namorado

Não sinto vontade de ter relação com meu namorado

"Não sinto vontade de ter relação com meu namorado". Esse é um pensamento comum que muitas pessoas guardam para elas mesmas em algum momento de seu relacionamento, mas é importante prestar atenção à essa situação para descobrir qual é a origem do problema e poder encontrar a solução adequada. A verdade é que a ausência de prazer durante as relações sexuais pode ser devida tanto a fatores físicos como psicológicos, pois às vezes é consequência de disfunções sexuais ou do sofrimento de algum tipo de doença e, em outras, pode estar relacionado com problemas no relacionamento ou transtornos emocionais. Por isso, para solucioná-lo e voltar a desfrutar plenamente das relações íntimas, é essencial saber qual é a causa exata e iniciar o tratamento ou a terapia adequada em cada caso. Neste artigo de Psicologia-Online, vamos responder com detalhes a pergunta de por que não sinto vontade de ter relação com meu namorado, para que você possa saber por que isso está acontecendo.

Também lhe pode interessar: Não sinto mais desejo pelo meu marido

Não sentir prazer

Uma pergunta que ocorre na psicologia e na sexologia é "por que não sinto vontade de ter relação com meu namorado?". No entanto, muitas vezes essa pergunta não chega à consulta. Geralmente, por vergonha. Cabe destacar que a sexualidade é uma área importante de nossas vidas e a maneira de viver a sexualidade reflete na saúde e na qualidade de vida. Por todas essas razões, cabe destacar a importância de cuidar da sexualidade e procurar um especialista, se a situação exigir. Em muitos casos, a falta de vontade tem relação com a falta de prazer que a/o paciente sente durante os momentos íntimos com o parceiro.

Não sentir prazer ao ter relações pode ser devido a vários motivos que podem se agrupar em três grandes blocos:

  • As causas físicas: como doenças, problemas hormonais ou efeitos de certas substâncias.
  • As causas psicológicas: como transtornos ou sintomas psicológicos: a depressão, o estresse, as preocupações, etc. A depressão diminui a ativação e produz a perda de interesse, do desejo e que sinta menos prazer em qualquer atividade. Por outro lado, os nervos e preocupações ativam o sistema de alerta do organismo, que é incompatível com a resposta sexual. Esses nervos e preocupações podem ser causados por questões da vida diária, como o trabalho e a família, como às questões pessoais: um autoconceito negativo, não se sentir bem com o próprio corpo, julgar a si mesma ou não confiar em si mesma.
  • As causas do relacionamento: podem ser desde problemas no relacionamento, como a falta de comunicação ou a falta de paixão, e também podem ser problemas especificamente sexuais, como por exemplo não falar o que gostamos nas relações sexuais, não experimentar, não inovar, não confiar no cônjuge, etc.

Em seguida, detalhamos outras causas comuns de não sentir vontade de ter relação com o namorado.

A ausência de preliminares

Uma das causas mais comuns para que uma mulher não tenha vontade de ter relações com seu cônjuge é a falta de preliminares antes de iniciar a penetração. Esses pré-jogos ou preliminares são muito importantes em todos os encontros íntimos para preparar o corpo para o sexo, pois com eles, a lubrificação vaginal é favorecida, o que tornará a penetração mais fácil e prazerosa, e o clitóris é estimulado, que é a zona erógena feminina por excelência, por isso aumentará de tamanho e se tornará muito mais sensível ao toque, proporcionando assim um grande prazer à mulher.

Portanto, não sentir prazer na penetração pode estar relacionado com a falta de excitação sexual e o fato de não ter recebido previamente nenhum tipo de estímulo sexual. Dedique um tempo junto ao seu cônjuge para essas preliminares e, assim, ambos estarão preparados para desfrutar de relações íntimas mais satisfatórias e prazerosas.

Insegurança e baixa autoestima

As inseguranças, a falta de confiança em si mesma e a baixa autoestima também podem responder à pergunta "por que não sinto vontade de ter relação com meu namorado". Uma boa autoestima é essencial para poder desfrutar de tudo aquilo que fazemos em nossa vida, incluindo nossa sexualidade e tem também uma grande influência na maneira como nos relacionamos com as outras pessoas.

As pessoas com baixa autoestima podem ter complexos físicos ou sentir rejeição ao seu próprio corpo, avaliar de maneira negativa seu desempenho sexual, sentir medo da intimidade e ter graves dificuldades em dizer ao cônjuge o que realmente gosta ou não. Tudo isso pode afetar a concentração durante o sexo, essencial para aproveitar o momento, tanto com o corpo como com a mente, e conseguir experimentar sensações agradáveis. Se, durante os encontros íntimos com seu cônjuge, sua mente está em outro lugar e não se sente segura nem confortável por qualquer motivo, é muito provável que sinta essa incapacidade de sentir prazer e não consiga se concentrar apenas na intimidade.

No seguinte artigo de Psicologia-Online, damos algumas dicas úteis sobre como desenvolver o amor próprio que podem te ajudar.

Ausência de sentimentos pelo namorado ou problemas na relação

A resposta sexual feminina está muito condicionada pelos sentimentos e as emoções, e se você se pergunta "por que não sinto vontade de ter relação com meu namorado, mas antes sentia", provavelmente é devido a algo que não está indo bem no seu relacionamento amoroso.

Neste sentido, são muitos fatores que podem causar a ausência de prazer durante as relações sexuais ou a falta de desejo sexual, mas entre os mais comuns encontram-se os listados a seguir:

  • Seus sentimentos em relação ao seu cônjuge mudaram e você já não sente o mesmo que sentia antes.
  • Vocês têm dificuldades para se comunicarem corretamente. No seguinte artigo, você encontrará como melhorar a comunicação no relacionamento.
  • Vocês estão passando por uma crise no relacionamento devido às trapaças, mentiras, infidelidade, e você sente uma grande desconfiança em relação a ele.
  • Vocês estão em uma situação de conflito por problemas econômicos, familiares, profissionais, etc.
  • Você não sente que seu namorado a satisfaz sexualmente ou vocês entraram em uma monotonia sexual que não permite que você desfrute da intimidade como fazia antes.

Transtornos de humor

Nosso humor também influencia em todos os âmbitos de nossa vida e se não estamos bem mentalmente, isso afetará diretamente nossa vida íntima, pois além disso pode ficar em segundo plano para nós, é muito possível que nosso desejo sexual seja reduzido consideravelmente e não conseguiremos nos concentrar no momento da relação sexual.

Tanto o estresse, as preocupações do dia a dia, a depressão e qualquer outro transtorno do humor podem fazer com que você não tenha apetite sexual e não se encontre com a predisposição que tinha anteriormente para manter relações sexuais com seu cônjuge. Além disso, este tipo de transtornos provoca mudanças hormonais no corpo e impede a produção normal de progesterona e testosterona, que nas mulheres podem se traduzir em baixos níveis de desejo sexual e anorgasmia.

Possíveis causas físicas de não sentir desejo sexual

  • Mudanças hormonais: os níveis de desejo sexual podem ser diminuídos pelas alterações hormonais que ocorrem em estágios como a gravidez ou a menopausa.
  • Doenças subjacentes: sofrer de doenças como diabetes, hipertensão, câncer, cardiopatias, transtornos neurológicos ou outras patologias crônicas podem provocar problemas sexuais.
  • Tomar medicamentos: o consumo de medicamentos como antidepressivos, anti-histamínicos, anti-hipertensivos ou os tratamentos de quimioterapia também podem reduzir os níveis de desejo sexual, afetar a lubrificação natural vaginal e até impedir que alcance o orgasmo nas relações íntimas.
  • Disfunções sexuais: alguns problemas sexuais, como a dispareunia (dor durante a relação sexual), o vaginismo ou a anorgasmia podem ser os causadores de não sentir prazer ao fazer amor e da falta de apetite sexual.

O que faço se não sinto vontade de ter relação com meu namorado

Se você não sente nada quando faz amor com seu namorado, é muito importante prestar atenção à essa situação e identificar a causa exata do problema, pois a solução ou o tratamento terá que ser estabelecido em cada caso com base nele.

A seguir, mostramos algumas dicas que podem ajudá-la caso você esteja passando por esta situação e não saiba o que fazer para conseguir desfrutar das relações sexuais com seu companheiro:

  • Converse com seu namorado: é muito importante que você não tenha medo de dizer ao seu cônjuge como se sente e o que está acontecendo. Somente se você conversar com ele sobre isso, vocês poderão buscar uma solução juntos para o problema. No nível sexual, é essencial que vocês também se comuniquem e tenham confiança para expressar o que gostam e o que não gostam, desta maneira, vocês poderão desfrutar de relações mais prazerosas e confortáveis para ambos.
  • Experimente e deixe-se levar: atreva-se a provar coisas novas com seu cônjuge para evitar a monotonia sexual e incentive-o a descobrir juntos novas formas de prazer. Quando estiverem em um encontro íntimo, mantenha-se concentrada apenas nele e deixe de lado todas as preocupações.
  • Conheça seu corpo: conhecer seu próprio corpo através da masturbação e descobrir a que estímulos sexuais reage melhor, pode ajudá-la a melhorar as relações sexuais com seu cônjuge e conseguir sentir mais prazer durante as mesmas.
  • Reduza o estresse: se você está estressada ou tem muitas preocupações, é essencial que você tente se tranquilizar e, para isso, você pode recorrer à prática de técnicas de relaxamento ou aulas de ioga ou pilates. Fazer exercício físico diário também é uma boa opção para reduzir os níveis de estresse e melhorar tanto o bem-estar físico como mental.
  • Aceite-se como você é: aprender a amar nosso próprio corpo e nos sentir confortável conosco é algo essencial para poder desfrutar plenamente de nossa sexualidade e estar completamente confortável nos momentos mais íntimos com o cônjuge.
  • Aceite a existência de um problema e busque ajuda profissional: se você sente que não pode solucionar este problema sozinha ou se você sofre de algum tipo de disfunção sexual, doença ou transtorno psicológico, o melhor é procurar ajuda profissional e seguir as instruções do especialista adequado.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Não sinto vontade de ter relação com meu namorado, recomendamos que entre na nossa categoria de Sexologia.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
3 comentários
A sua avaliação:
taisa lopes
eu nao sinto mais atraçao pelo meu namorado, namoramos fazem 3 anos e nos amamos muito, só que eu já n sinto atraçao faz um tempo, no começo dessa crise de sexo começamos a fantasiar eu amava as historias que ele contava e trasavamos até 5 vezes por dia, mas depois as historias e imaginaçao nao tinha mais graça, eu propus pra ele transar com outra mas ele nao quer de jeito algum :(
A sua avaliação:
MARIANA GOMES DE OLIVEIRA
De uns tempos pra cá eu perdi totalmente a vontade de ter relações com o meu namorado. A gente praticamente moramos juntos, e eu não sinto vontade de nada.
Ainda o amo demais, e não me vejo sem ele nunca. Ele é aquele tipo de namorado que faz de tudo pela pessoa, que quer sempre agradar, ver a pessoa sorrindo, e eu nunca sei corresponder a isso.
Já passei por relacionamentos horríveis, onde aceitava traição e tudo mais, e agora eu tenho medo... medo da pessoa me enganar, medo de sofrer, medo de tudo!
E com isso eu criei um certo bloqueio em mim. Como faço para voltar a ter relação sexual com o meu namorado, sentindo o tesão novamente?
A sua avaliação:
Vanessa
Não sinto vontade de ter relações sxão

Não sinto vontade de ter relação com meu namorado
Não sinto vontade de ter relação com meu namorado

Voltar ao topo da página