menu
Partilhar

Meu namorado me xinga quando está nervoso: o que fazer

Meu namorado me xinga quando está nervoso: o que fazer

Você ama o seu namorado e pensa que seu relacionamento geralmente é satisfatório, mas quando ele fica irritado, às vezes ele te insulta. O que você deve fazer nesse caso? Neste artigo de Psicologia-Online, queremos fazer algumas recomendações a esse respeito, para que você saiba como lidar com o problema "Meu namorado me xinga quando está nervoso".

Também lhe pode interessar: O que fazer quando seu namorado te ignora

Por que meu namorado me xinga quando está nervoso

É possível que em ocasiões específicas, um dos membros do casal se comporte de maneira agressiva em uma discussão. Quando isso acontece, pode elevar o tom de voz ou gritar diretamente. Além disso, pode acontecer de insultar o outro membro durante a disputa. Podemos qualificar esse comportamento como normal em um relacionamento?

Embora seja um comportamento habitual, não é normal em um relacionamento saudável. A agressividade pode ocorrer por diferentes motivos: estresse, má gestão das emoções, frustração, decepção… No entanto, nenhum desses motivos justifica isso.

A agressividade promove a violência. Por isso, costuma ir mais longe. Se vocês entraram nessa dinâmica, se em todas ou quase todas as discussões há desqualificações ou insultos, é um relacionamento tóxico. É importante procurar ajuda de um profissional que avaliará se o relacionamento tem chance de voltar aos trilhos.

Amor e respeito no relacionamento

Um namorado que te ama não te desrespeita. Pode cometer erros e se deixar levar por suas emoções em um momento específico, mas não deve perder nunca o respeito.

Às vezes temos uma ideia equivocada do que é o amor. O amor não é sofrer, não é pertencer, não é aguentar. O amor saudável é livre e respeitoso. Deve fazer você se sentir bem. Se seu amor é saudável, estar com seu namorado te fará crescer, somarão um ao outro ou uma à outra, mas nunca subtrairá.

Devemos deixar claro que o amor não é medido com palavras, mas com ações. São nossas ações que determinam se amamos ou não alguém e não os momentos que podemos dizer “eu te amo”.

De nada serve que seu companheiro lhe dê presentes, o abrace, te beije, ou seja o melhor pai que você possa imaginar, se te desrespeita constantemente. Pois, seja com grito ou insultos, ridicularizando você de alguma maneira ou até ignorando. Ignorar alguém também é uma falta de respeito, silenciosa, mas é.

O que fazer quando há desrespeito no relacionamento

Quando há desrespeito no relacionamento, não custa tentar falar de forma relaxada sobre o que está acontecendo. Explique ao seu namorado como você se sente quando ele se comporta assim. Peça que mude essa atitude. Explique quais são os limites e não tolere que ele os exceda.

A ajuda profissional pode guiá-los na aprendizagem de uma boa comunicação. No artigo a seguir, você pode ver como melhorar a comunicação no relacionamento. Também a gerenciar as emoções e expressá-las de uma maneira adequada. Escutar o outro e expressar seus sentimentos. A empatizar.

Muitas vezes, pensamos que os desrespeitos são apenas os insultos, mas existem muito mais. Vamos ver alguns deles:

  • Ridiculizar o cônjuge. Seja sua aparência física ou sua maneira de agir ou pensar.
  • As ironias e os sarcasmos.
  • Retirar a atenção. Se recusar a olhar o outro/a quando fala ou não responder.
  • Terminar uma conversa batendo a porta, lançando objetos ou quebrando coisas.
  • A linguagem não verbal: se aproximar muito para intimidar, usar as mãos para apontar ou fazer gestos violentos, olhar com superioridade ou de forma desafiante…
  • Fazer críticas procurando a dor do outro ou da outra.
  • Zombar de alguma fraqueza da outra pessoa em particular ou em público.
  • Contar intimidades do companheiro/a diante de outras pessoas.
  • Gritar.
  • Menosprezar suas realizações.
  • Etc.

Como recuperar o respeito em um relacionamento amoroso

Uma das coisas mais difíceis de recuperar em um relacionamento são o respeito e a confiança. Quando se perde o respeito, uma vez que tende a ir além e isso deteriora o relacionamento gerando decepção e rancor.

Se certos limites intransponíveis não foram excedidos, é possível tentar recuperar o respeito. No caso de tentar, será um trabalho duro e contínuo, além de constante, e exigirá a intervenção de um profissional que os ajude com terapia de casais.

Se certos limites foram excedidos, será melhor terminar o relacionamento. Aqui explicamos como saber quando terminar um relacionamento.

O que fazer se o seu namorado te xinga o tempo todo

Se o seu namorado te insulta constantemente, você está em um relacionamento tóxico que deve terminar o mais rápido possível.

Se você já explicou como ele o faz se sentir quando o insulta e ele continua fazendo, não há muito o que fazer. Saia dessa relação. Não minimize a importância dos insultos, não os considere normais, porque não são. Não se conforme com o que você tem. Não justifique, não tem justificação possível.

Muitas pessoas acreditam que devem permanecer em um relacionamento tóxico e destrutivo porque “é o que as tocou” ou porque não conseguem se sustentar economicamente, ou por causa dos filhos, ou porque acreditam que não poderão viver sem seu namorado. Não tenha medo. Atualmente, existem muitos meios de ajudá-lo. O período de transição pode ser difícil, as mudanças são difíceis, mas é a coisa certa para você e para sua saúde mental e provavelmente física. Peça a ajuda necessária para sua família, amigos ou conhecidos. O abuso psicológico nunca é justificado.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Meu namorado me xinga quando está nervoso: o que fazer, recomendamos que entre na nossa categoria de Terapia de casal.

Bibliografia
  • Riso, W. (2014). ¿Amar o depender?: Cómo superar el apego afectivo y hacer del amor una experiencia plena y saludable. Barcelona: Zenith

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
2 comentários
A sua avaliação:
...
Terminei com meu namorado ontem exatamente pelo desrespeito que ele havia fazendo comigo, sempre aumentou o tom de voz comigo , sempre em todas as discussões eu quem era A errada da história e quem deveria perder desculpas era sempre eu , desligava o telefone na minha cara e já me deixou na rua sozinha e foi embora , eu sempre falava pra ele que não gostava desse tipo de atitude, ele até mudava durante um tempo mas fazia denovo , e eu sei que não é normal num relacionamento existir esse tipo de coisa até porque as discussões eram frequentes, e eu nunca se quer uma vez desrespeitei ele , nunca desrespeitei os valores, o nome dele , os sentimentos dele , os problemas pessoais dele , nunca .mas ele sempre fazia comigo , debochava e ria , enquanto estávamos entre amigos ele falava das mulheres que pegava e oque fazia com elas sem ao menos ter respeito a mim que estava do lado ouvindo tudo. Demorei para terminar pois eu tentava ignorar esses problemas até porque todos falavam que era normal passar por esse tipo de coisa e que todo casal discutia, entao eu engoli isso tudo que acontecia durante apenas 3 meses de namoro , e levava em conta só os momentos que ele era carinhoso comigo e me elogiava , quando era fofinho e 'compreensivo' . Mas vivia pensando que não faz sentindo ele me 'amar ' é me tratar de uma forma tão desprezível, sem respeito algum . E mesmo assim eu o respeitava , até chegar o momento em que sem motivo algum ele resolveu ter uma discussão comigo me acusando de coisas que não fiz , e por tratar ele como segunda opção sendo que minha rotina sempre foi ir ao treino , pra casa , e pra casa dele . Nisso ele começou a gritar muito alto dentro do carro e aos berros começou a me insultar com palavras horríveis , chegando ao ponto de ficar socando a própria mao , nessa hora so pensei que ele poderia me agredir a qualquer momento e terminei tudo, chorei horrores ontem e hoje, muito pois eu o amava, e o mínimo que ele precisava ter comigo era respeito, e nem isso eu recebia dele . Cheguei a pensar que foi exagero eu terminar com ele e que a gente poderia consertar as coisas mas assim que li esse texto eu percebi que foi a melhor coisa que fiz mesmo estando muito abalada por terminar com alguém que eu gostava muito eu nao tava tendo o respeito que eu merecia, e eu tenho toda toda certeza que se fosse eu fazendo oque ele fazia comigo , ela já tinha me deixado a muito tempo, pela forma como ele é e o ego que ele tem confirmado por ele mesmo . Estou em choque pois foi a primeira experiência abusiva que tive e só percebi depois de 3 meses com ele , fico pensando oque aconteceria durante 3 anos. Ele era assim comigo desde o inicio e fiquei com ele pois ele me manipulação dizendo que todas as discussões quem causava era eu então eu sempre tava procurando mudar por ele , minha família toda percebeu isso. E quando terminei ontrm graças a Deus recebi todo o apoio da minha familia.
Juliano Rodriguez Da Silva
Seja firme não volte com este rapaz, no futuro vc acabará sendo agredida fisicamente, isso de dar soco nas próprias mãos já foi um aviso, se precisar de ajuda converse com familiares ou até msm um psicólogo.
Joyce
Que mulher inteligente vc é, conseguiu sair de um relacionamento que não daria certo logo a tempo de não entrar num ciclo de manipulação. Levaria pouco tempo até começar as agressões. Fico feliz que vc se livrou pois nem todas tem essa cabeça e acabam virando estatísticas de feminicidio ou completamente infelizes. Fica firme, se distrai, cuide de vc. Relacionamento na maioria das vezes só atrapalha. Seja feliz e se ame primeiro sempre ❤️
A sua avaliação:
Cassia medeiros miranda
Gostaria de saber qual atitude a tomar quando seu namorado te ofende dizendo coisas que deixa pra baixo
joao
Termina
Joyce
Se livra dele... Seja feliz ❤️

Meu namorado me xinga quando está nervoso: o que fazer
Meu namorado me xinga quando está nervoso: o que fazer

Voltar ao topo da página