menu
Partilhar

Tipos de traição: características e exemplos

 
Por Equipe editorial. 22 junho 2021
Tipos de traição: características e exemplos

Nem todas as traições são iguais, ainda que todas rompam o acordo e gerem uma quebra na relação, elas se acontecem por diferentes motivos. Descobrir os diferentes tipos de infidelidade nos auxilia a identificar um certo tipo, que antes não havíamos nos dado conta, e que podem acabar acontecendo.

Identificar seus diferentes tipos nos ajuda a impor limites e perceber a situação a tempo. Entender melhor o que acontece quando alguém é infiel com a gente e, nos casos de casais que querem tentar novamente depois de um caso de traição, conhecer o tipo de traição que seu/sua parceiro/a cometeu, ajudará a prever a conjuntura da relação e se é possível (ou não) que esse tipo de situação se repita, para, então, te orientar melhor sobre o que você pode fazer a respeito. Por esse motivo, neste artigo de Psicologia-Online falaremos de 14 tipos de traição.

Também lhe pode interessar: Como superar uma traição no casamento

Classificação dos tipos de traição

A palavra fidelidade, etimologicamente, significa: observância da fé, lealdade, sinceridade, constância dos afetos e cumprimento das promessas. Como podemos ver, seu conceito é bem completo, complexo e engloba não somente um acordo ou uma promessa de ser fiel ao outro numa relação monogâmica, mas também o que foi combinado.

Nesse sentido, o ato de manter fidelidade ao outro representa a constância de seus afetos, a sinceridade e a lealdade que você tem pelo outro, o que faz com que a pessoa confie plenamente em você e tenha certeza de que agirá de acordo com o combinado, explicita ou implicitamente. Consideramos extremamente importante compreender esse significado para poder sentir empatia com o sentimento de traição que uma pessoa sente ao ser enganada.

Por que as pessoas traem?

Também é importante saber que a pessoa enganada não é a única que sofre, a maioria das infidelidades vem acompanhada de muita culpa, então, se ambos envolvidos se amam e sofrem quando ocorre alguma infidelidade, por que elas continuam acontecendo?

A verdade é que existem muitas razões para que uma pessoa seja infiel. Geralmente, colocamos todos os tipos de infidelidade em um mesmo saco e rapidamente traçamos um perfil da pessoa infiel, mas isso é um grande erro.

Os tipos de infidelidade podem ser separados pelas seguinte classificação:

Infidelidade de acordo com sua natureza

  • Infidelidade sexual
  • Infidelidade emocional

Infidelidade de acordo com a intenção

  • Infidelidade direta
  • Infidelidade indireta

Infidelidade conforme o meio em que ocorre

  • Infidelidade virtual
  • Infidelidade física

Infidelidade de acordo com suas implicações emocionais

  • Infidelidade com envolvimento emocional
  • Infidelidade por impulso

Infidelidade conforme os motivos que a originam

  • Infidelidade por uso ou excesso de substâncias
  • Infidelidade por baixa autoestima
  • Infidelidade como uma forma de terminar o relacionamento
  • Infidelidade substitutiva
  • Infidelidade hedonista
  • Infidelidade por ninfomania

Infidelidade sexual

Este tipo de infidelidade é o mais conhecido por todos. Quando pensamos em traição, esse é o tipo de infidelidade que nos vem à cabeça.

Falamos de traição sexual quando a pessoa tem relações sexuais, de qualquer tipo, com um terceiro que não é parte da relação amorosa e essa relação sexual acontece de forma escondida.

Geralmente, esse tipo de infidelidade fica apenas no plano físico e não possui nenhum apego emocional profundo, é algo puramente físico, separado de qualquer conexão mais profunda. Costuma acontecer mais com homens.

Infidelidade emocional

A infidelidade não é necessariamente, nem exclusivamente, sinônimo de relação sexual ou relação sexual consumada. Nesse sentido, falamos de infidelidade emocional quando um dos dois do casal começa a ter sentimentos e a gerar um vínculo amoroso com uma terceira pessoa fora da relação e faz isso de forma escondida.

É criado, então, um vínculo amoroso com uma outra pessoa com quem não se tenha tido, necessariamente, relações sexuais, mas que tenha carinho, amor, flerte, uma linguagem amorosa, uma conexão especial e única. Fantasias e sonhos são compartilhados com essa pessoa.

A pessoa faz essa relação amorosa ou romântica crescer em silêncio e esconde de seu/sua parceiro/a, para quem faz parecer, às vezes, que está indo tudo bem na relação entre os dois. Esse tipo de infidelidade é bastante confusa para todos. A pessoa infiel garante não cometer infidelidade e justifica isso por não ter tido nada sexual com a outra pessoa, porém, apesar disso, é considerado um dos tipos de traição e descobri-la pode ser muito mais doloroso do que no caso anterior. Esse tipo de infidelidade acontece mais com as mulheres.

Infidelidade direta

Falamos de infidelidade direta quando existe desde o princípio a intenção de ser infiel. Esse tipo de traição é deliberadamente planejada. A pessoa que comete uma infidelidade direta pensou na ideia de ser infiel desde o princípio e planejou sua infidelidade até ela se concretizar.

Ela é praticada por pessoas que não acreditam nas relações monogâmicas e por aquelas que o fato de possuir um/a parceiro/a não implica em deixar de ter relações com outras pessoas.

Infidelidade indireta

Falamos de infidelidade indireta quando não existe uma intenção inicial de ser infiel e a infidelidade não é planejada, nem pensada previamente, mas acontece de forma repentina e acidental. Uma pessoa que sente um desejo ou uma conexão inesperada muito forte por outra pessoa pode chegar a cair nesse tipo de infidelidade.

Esse, dentre os tipos de traição, também pode acontecer a partir de uma relação muito íntima com alguém e, em um momento importante ou muito difícil, em que o outro está ali presente, acaba resultando em uma situação propícia a confusões.

Infidelidade virtual

Hoje em dia, este tipo de infidelidade é muito frequente, visto que os meios tecnológicos são cada vez mais utilizados para a comunicação, e são mais fáceis para sumir com mensagens, áudios, fotografias e vídeos, fazendo com que se torne um terreno fértil para as traições.

Falamos em traição virtual quando a tecnologia é utilizada para ter um amante sexual ou um caso amoroso. Nesse sentido, a infidelidade pode acontecer por meio de fotografias, vídeos, sexo, ligações ou mensagens sexuais ou amorosas, entre outros. A traição virtual não necessariamente se concretiza de forma física.

Infidelidade física

Falamos de traição física quando acontecem encontros presenciais e fora do ambiente virtual.
A pessoa mantém uma relação sexual ou amorosa com uma terceira pessoa, que não faz parte da relação, e com quem tem encontros casuais escondidos de seu/sua parceiro/a, de forma presencial.

Infidelidade com envolvimento emocional

Falamos de infidelidade com envolvimento emocional quando a infidelidade da lugar a uma conexão emocional entre os infiéis e isso implica no estabelecimento de um vínculo afetivo fora do relacionamento entre o casal legítimo.

Infidelidade por impulso

A traição por impulso acontece simplesmente para satisfazer desejos físicos ou de outro tipo, sem estabelecer vínculos emocionais. Esse tipo de infidelidade costuma acontecer com pessoas que são infiéis de propósito ou viciadas em sexo, pessoas que buscam apenas reafirmar sua autoestima e se sentirem desejadas, ou pessoas que conseguem manter relações puramente no plano sexual, uma ou várias vezes, sem envolver o aspecto emocional nelas.

Infidelidade por uso ou excesso de substâncias

Este tipo de infidelidade costuma acontecer com pessoas que são viciadas ou com aquelas que, ao fazerem uso de certas substâncias como drogas ou álcool, não podem controlar seus impulsos, sejam eles sexuais ou não. A pessoa, ao consumir essas substâncias, pode não conseguir controlar seus impulsos e, em algumas situações, podem ser infiéis, provavelmente, de forma não consciente e nem se recordarão.

Também existem casos de pessoas que não estão satisfeitas em suas relações e, ao consumir alguma substância e diminuir algumas barreiras morais, podem chegar a ser infiéis por seguirem um desejo que não se permitem seguir em seu estado de sobriedade.

Infidelidade por baixa autoestima

Este tipo de traição costuma acontecer em pessoas que são muito inseguras e utilizam a infidelidade para reafirmarem sua atratividade ou seu valor pessoal. Costumam acontecer quando a pessoa se sente "inferior" a seu par, menos atraente, menos inteligente etc.

O contato sexual ou amoroso com terceiros dá a sensação de segurança pessoal, elas se reafirmam pessoalmente através desses terceiros, ao sentirem que continuam "disponíveis no mercado".

Infidelidade como uma maneira de terminar o relacionamento

Este tipo de infidelidade costuma acontecer com pessoas que não estão mais satisfeitas em seu relacionamento e não sabem como terminar a relação, são pessoas que costumam negar o conflito e têm muita dificuldade em enfrentar a responsabilidade de terminar o relacionamento e acabam caindo na infidelidade como pretexto para poderem terminar.

Isso pode acontecer por muitas razões:

  • Insatisfação com o/a parceiro/a a nível sexual, amoroso, por falta de atenção ou qualquer outro tipo.
  • Monotonia no relacionamento.
  • Vingança.
  • Diminuição do desejo e da relação sexual ou crença de que o amor acabou.
  • Medo de terminar por medo de ficar sozinho/a quando acabar o relacionamento.
  • Dependência: não quer romper a atual relação sem ter outra pessoa garantida. São pessoas que pulam de um relacionamento para outro, sem viver seus lutos, porque possuem muito medo de ficarem sozinhas.

Infidelidade substituta

Dos tipos de traição, nesta a pessoa infiel procura na infidelidade algo que está faltando a ela no relacionamento, seja sexo, amor ou atenção.

Descubra neste outro artigo se a pessoa que trai sente remorso.

Infidelidade hedonista

Já este, entre os tipos de traição, costuma acontecer com pessoas que simplesmente são infiéis porque querem ser. O infiel não age movido por uma carência em sua relação, mas, sim, pelo puro desejo. Não lhe falta nada em sua relação.

Infidelidade por ninfomania

Este tipo de infidelidade costuma acontecer com pessoas que são viciadas em sexo e o único propósito da infidelidade dessas pessoas é satisfazer a necessidade erótica delas.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Tipos de traição: características e exemplos, recomendamos que entre na nossa categoria de Terapia de casal.

Bibliografia
  • Psicología y formación: Clínicas psicológicas en Madrid (2020). Infidelidades: causas, tipos y soluciones. España

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Tipos de traição: características e exemplos
Tipos de traição: características e exemplos

Voltar ao topo da página