Partilhar

O que é ideologia de gênero

 
Por Julia Latorre. 11 junho 2020
O que é ideologia de gênero

Vira e mexe a expressão 'ideologia de gênero' aparece em discussões. Acontece que poucas vezes o significado de ideologia de gênero fica realmente claro dentro das diferentes temáticas em que ele surge. É normal se sentir confuso e já vou te explicar o porquê. Neste artigo de Psicologia-Online sobre o que é ideologia de gênero veremos que é fundamental entender outros conceitos sobre diversidades de gênero e suas teorias para não confundir essa expressão e utilizá-la de forma errada.

A seguir você vai entender direitinho para que possa esclarecer a ideologia de gênero com argumentos a favor ou contra. Tire as sus próprias conclusões e conte nos comentários!

Também lhe pode interessar: Não consigo memorizar o que eu estudo

O que é ideologia de gênero

A ideologia de gênero não existe efetivamente mas é um termo que acabou se popularizando e é muito utilizado em debates sobre perspectiva de gênero, principalmente, no âmbito educacional. Quando a ideologia de gênero é citada, geralmente faz referência críticas a conceitos dos estudos de gênero e suas aplicações. Por isso, de forma geral é mais utilizada como ferramenta política de críticos negativos às teorias de gênero do que como termo apropriado pelos estudos de gênero.

Para Simone de Beauvoir, o sexo é determinado pela biologia enquanto o gênero é uma construção social (interpretação cultural do sexo). Assim como para Judith Butler, gênero e sexo são influenciados por fatores institucionais, históricos, sociais e biológicos. Por isso, é preciso estar consciente disso dentro das estruturas em que vivemos para ter a liberdade de decidir e não ser doutrinados por um sistema hetero-patriarcal.

Sexo e gênero são construídos. Mesmo assim, é preciso entender que dentro dos estudos de gênero existem diversas linhas de pensamento e muitas delas são divergentes. O que todas têm em comum é o fato de ter o gênero como objeto de estudo, o que não significa que todos as teorias de gênero estejam de acordo com as mesmas ideias. É por isso que se apropriar desse termo também pode gerar confusões quanto à sua amplitude.

Quem criou a ideologia de gênero?

Segundo apuração da agência de checagem de notícias Aos Fatos [2], os primeiros registros oficiais do termo ideologia de gênero apareceram em 1995 em textos da Igreja Católica que criticavam o uso do termo 'gênero' pela ONU. Desde então essa expressão 'ideologia de gênero' passou a ser utilizada com uma conotação negativa em discussões que envolvem questões de gênero.

A melhor maneira de não cair nas armadilhas deste termo é entender as diferenças entre os conceitos, o que está por trás deles e as suas funções e usos. É possível,sim, apropriar-se do termo ideologia de gênero e explicar a perspectiva de gênero sem distorcer fatos e notícias, mas é muito importante saber dar nome aos bois, quer dizer, não confundir essa definição superficial e ambígua com definições como identidade de gênero, orientação sexual, educação sexual, dentre outras.

Qual o objetivo da ideologia de gênero?

Não tem nada a ver com doutrinar. O objetivo da perspectiva de gênero, a suposta ideologia de gênero, é promover igualdade de gênero, liberdade sexual de escolhas e saúde. Não é sobre impor uma visão de mundo binária, se não sobre possibilitar uma abertura à liberdade política e de escolhas para que as pessoas possam viver sem medo de serem discriminadas pelas suas escolhas e orientações sexuais.

Nas palavras da filosofa e estudiosa gênero Judit Butler[1]tem a ver com:

'Afirmar a diversidade de gênero não é destruir: é afirmar a complexidade humana e criar espaço para as pessoas encontrarem seu próprio caminho nessa complexidade'

O que é ideologia de gênero nas escolas?

Não existe uma metodologia baseada de ideologia de gênero nas escolas, mas sim uma pedagogia de diversidade de gênero que consiste em ensinar a igualdade de gênero e possibilitar uma liberdade sexual e propostas para uma educação mais inclusiva e respeitosa. É justamente o contrário à uma doutrinação.

Ao invés de tratar os gêneros como algo binário (homem ou mulher) e hetero-normativo (como se gostar do sexo oposto fosse o único caminho possível para ser feliz ou 'normal'), ensina-se que tudo bem se sentir de outra maneira. O resultado disso são pessoas que crescem menos reprimidas, pensam sob uma perspectiva de gênero e pouco a pouco vão ajustando as estruturas desiguais a nível de gênero. Quando os valores passados às crianças não são desde um ponto de vista que rogue que existam coisas de meninos e coisas de meninas, por exemplo, elas crescem com uma mentalidade menos influenciada pelos papéis de gênero e isso promove uma ascensão mais rápida a uma sociedade igualitária.

Educação sexual

Já a educação sexual dentro da pedagogia de gênero, quando apresentada por alguns críticos, é outro tema que pode gerar confusões quando as suas pautas são distorcidas. Em linhas simples, prepara estudantes para uma vida sexual segura e saudável. A ideologia de gênero nas escolas não são aulas de sexo ou 'kit gay' como muito já se falou no Brasil, mas sim esclarecer alguns pontos importantes relacionados à sexualidade que podem interferir no futuro. Ensinar às crianças que pessoas estranhas não podem tocar os seus corpos, por exemplo, é educar sexualmente para evitar casos de abuso e promover denuncias.

Ideologia de gênero no Brasil

A expressão 'ideologia de gênero' no Brasil confunde cidadãos desde 2011, quando o casamento homoafetivo foi autorizado pelo Supremo Tribunal Federal. Desde então essa expressão costuma pipocar em discussões contrárias aos direitos das mulheres e diversidades em diferentes âmbitos.

Ideologia de gênero e 'kit gay'

Uma das confusões mais recentes relacionadas a essa expressão foi a divulgação do caderno 'Escola Sem Homofobia', que seria em lançado em 2011, e nada mais era do que um projeto educacional que visava promover aceitação e inclusão da diversidade sexual na escolas. O projeto 'Escola Sem Homofobia'por pressão da Frente Parlamentar Evangélica foi vetado e passou a ser erroneamente mencionado como 'kit gay' e associado a ideologia de gênero, mesmo que a ONU [3] afirme que 'aprofundar o debate sobre sexualidade e gênero contribui para uma educação mais inclusiva, equitativa e de qualidade'.

Ideologia de gênero X perspectiva de gênero

Vimos então que a expressão 'ideologia de gênero' na maioria das vezes é utilizada de forma pejorativa e crítica às teorias de gênero e diversidade. Por isso, se queremos falar sobre várias questões sociais e suas interseccionalidades de gênero de uma vez só, faz muito mais sentido falarmos em perspectiva de gênero do que em ideologia de gênero. Isso é, a necessidade de considerar as atuais diferenças e o objetivo de igualdade. Por isso, quando estamos em falando em perspectiva de gênero estamos falando em:

  • Liberdade sexual: o direito das pessoas determinarem seu gênero e orientação sexual;
  • Igualdade de gênero: oportunidades iguais para todos;
  • Diversidade de gênero;
  • Liberdade política;
  • Entender de onde vem as ideias do masculino x feminino;
  • Considerar e combater os papeis de gênero;
  • Uma educação inclusiva e respeitosa.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que é ideologia de gênero, recomendamos que entre na nossa categoria de Educação e técnicas de estudo.

Referências
  1. BUTLER. Judith. Judith Butler: Precisamos parar o ataque à “ideologia de gênero”. Sexuality Policy Watch. Disponível em: <https://sxpolitics.org/ptbr/judith-butler-precisamos-parar-o-ataque-a-ideologia-de-genero/9094/>. Acesso em 11 de junho de 2020.
  2. MENEZES, Luiz Fernando. Aos Fatos. Desenhamos fatos sobre a 'ideologia de gênero'. Disponível em: <https://www.aosfatos.org/noticias/desenhamos-fatos-sobre-ideologia-de-genero/>. Acesso em 11 de junho de 2020.
  3. UNESCO. UNESCO defende educação sexual e de gênero nas escolas para prevenir violência contra mulheres. Disponível em: <https://nacoesunidas.org/unesco-defende-educacao-sexual-e-de-genero-nas-escolas-para-prevenir-violencia-contra-mulheres/>. Acesso em 11 de junho de 2020.
Bibliografia
  • BUTLER. Judith. Judith Butler: Precisamos parar o ataque à “ideologia de gênero”. Sexuality Policy Watch. Disponível em: <https://sxpolitics.org/ptbr/judith-butler-precisamos-parar-o-ataque-a-ideologia-de-genero/9094/>. Acesso em 11 de junho de 2020.
  • BERTHO, Helean. AZmina. Ideologia de gênero: entenda o assunto e o que está por trás . Disponível em: <https://azmina.com.br/reportagens/ideologia-de-genero-entenda-o-assunto/>. Acesso em 11 de junho de 2020.
  • SOARES, Wellington. Nova Escola. Conheça o "kit gay" vetado pelo governo federal em 2011. Disponível em: <https://novaescola.org.br/conteudo/84/conheca-o-kit-gay-vetado-pelo-governo-federal-em-2011/>. Acesso em 11 de junho de 2020.

Escrever comentário sobre O que é ideologia de gênero

O que lhe pareceu o artigo?

O que é ideologia de gênero
O que é ideologia de gênero

Voltar ao topo da página