menu
Partilhar

Significado da cor roxa na psicologia

 
Por Gianluca Francia, Psicólogo. 8 junho 2021
Significado da cor roxa na psicologia

O roxo é uma cor intensa resultante da união do vermelho e do azul e representa a conjunção da força do primeiro, com a quietude do segundo. Esta cor, de fato, é o resultado da mistura de duas tonalidades contrastantes, quase opostas, característica que dá uma multidão de significados: é a cor da transformação, do mistério, da constante busca, às vezes também do sofrimento. De acordo com suas tonalidades, pode evocar diferentes sensações, todas sujeitas a uma interpretação individual. Jung definiu o roxo como a cor que está "entre o humano e o divino, a união de duas naturezas". Com este artigo de Psicologia-Online, descobriremos juntos o significado da cor roxa na psicologia.

Também lhe pode interessar: Significado da cor cinza na psicologia

Significado da cor roxa

O roxo é o encontro de duas cores diametralmente opostas, tanto por seu significado fisiológico, como pelo psicológico. A força penetrante e ativa do vermelho é amenizada pela calma satisfatória do azul. Portanto, o estímulo acaba sendo ambíguo. Pode se pensar no roxo como uma balança de precisão, onde um prato mede o efeito sedativo do azul no parassimpático, e o outro mede cada oscilação do vermelho e sua ação emocionante. Basicamente, o roxo mostra consciência.

Através de um ponto de vista psicológico, a cor lilás expressa a delicadeza, a sensibilidade estética e o pensamento mágico. A sexualidade (vermelho) se apaga e se transforma através do azul em sedução, na dimensão estética. O roxo representa a transição entre as duas cores opostas azul e vermelho, e a harmonia destes dois produz o que Nicolau de Cusa chama "coincidentia oppositorum" e o nível mais elevado corresponde à intuição mística. Levy-Bruhl também, em seus estudos antropológicos sobre as regiões tribais, pode constatar que o roxo é a cor da identificação mágica e da participação mística.

A forma do roxo é a de um diamante (aspectos penetrantes do vermelho) pelos lados arredondados (aspectos regressivos e acolhedores do azul) que se distingue por sua harmonia e por seu equilíbrio.

Interpretações da cor roxa

Viu-se que o roxo é a cor preferida pelas pessoas com alterações hormonais e endocrinológicas, incluindo às mulheres durante toda a gravidez e lactância. Se nas crianças o roxo é naturalmente preferido, a opção exagerada desta cor na idade adulta pode indicar infantilidade, sugestão, aspectos sedutores, labilidade emocional e hipersensibilidade. A rejeição ao roxo indica um bloqueio da própria sensibilidade por medo de ter que renunciar a própria independência ou por medo de expor o próprio Eu a uma maior vulnerabilidade. A rejeição ao roxo, frequentemente, é acompanhada de uma atitude suscetível e egocêntrica, pouco inclinada à empatia, à sensibilidade e à identificação.

O significado da cor roxa nas culturas

A cultura também influencia o significado que se dá à cor roxa. Vejamos o significado da cor violeta em cada contexto:

  • O que significa a cor roxa no aspecto espiritual? O roxo se associa ao mistério, à mística, à penitência, ao inconsciente, ao segredo, à superstição, à melancolia, à morte, ao medo, à piedade, à frustração, ao ágil, à fascinação, à humildade, ao sonho e à magia.
  • No cristianismo, a cor lilás está ligada ao arrependimento, à expiação e ao recolhimento. Suas cores primárias, unidas em partes iguais representam a sabedoria e o amor, de fato, sobre antigos quadros da Paixão de Cristo, o Salvador foi representado com um manto violeta. É também uma cor eclesial utilizada durante o período de meditação do Advento, que prepara para a festa do Natal e da Quaresma, o período de arrependimento antes da Páscoa.
  • No Oriente, o roxo está ligado ao vício e à maldade, em particular no Japão, evoca pecado e medo, e por isso seu uso é proibido nos casamentos.
  • Na Venezuela e na Turquia, a cor roxa é associada ao luto.
  • O roxo é o sétimo centro energético Chakra.
  • Uma análise sociológica mostra que o violeta é uma das cores menos apreciadas pelas pessoas.

A cor roxa no neuromarketing

O roxo no neuromarketing evoca mistério, espiritualidade, vaidade, fantasia, magia, sabedoria, moda, sucesso e luxo, e por este motivo é utilizado no setor da cosmética, sobretudo dos perfumes e da moda (em geral feminina), no setor lúdico, no setor eclesiástico, no setor da infância e da comunicação.

É aconselhável seu uso para pintar as paredes dos ambientes nos quais se necessita concentração e solidão, porque parece que ajuda a se libertar das angústias e a se submergir em si mesmos, portanto é útil nos quartos de escritores ou estudantes. Pela mesma razão, é desaconselhável em cômodos de convivência, como salas de estar e cozinhas.

No âmbito profissional, parece que a cor que inspira respeito e institucionalidade e, portanto, poderia ser utilizado para os escritórios médicos e jurídicos. Além disso, parece ser ideal nos dormitórios de casais em crise, porque ajudaria a recobrar a serenidade e despertar o desejo.

A cor roxa no feminismo

O vermelho e o azul são as cores da diferença sexual: sua mistura desperta nas mulheres um sentido de emancipação e a vontade de não serem consideradas em sua parte feminina, mas sim como pessoas em sua totalidade. Precisamente por isto, a cor roxa é eficaz para ser porta-voz simbólico das instâncias do movimento feminista.

É aqui que nasce o termo "purplewashing": o prefixo "roxo" é associado à crença do feminismo, enquanto que o verbo "lavar" é utilizado, pelos defensores de direitos das minorias, para denunciar as estratégias de cooptação para manter ou reforçar formas estruturais de discriminação. No contexto do feminismo, é utilizada para descrever uma variedade de estratégias políticas e de marketing para promover países, pessoas, empresas e outras organizações através de um chamado à igualdade de gênero. A palavra também é utilizada para criticar como os países ocidentais que não alcançaram a plena igualdade de gênero se justificam afirmando que mulheres de outros países ou culturas possuem uma pior qualidade de vida.

Conheça as correntes do feminismo.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Significado da cor roxa na psicologia, recomendamos que entre na nossa categoria de Emoções.

Bibliografia
  • Cesarini Argiroffo, G. (2018). Il significato dei colori: il viola. Recuperado de: https://www.giornaledipsicologia.it/il-significato-dei-colori-il-viola/
  • Del Longo, N. (2011). Il test dei colori di Lüscher. Manuale di diagnostica in età evolutiva. Milán: Franco Angeli.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Significado da cor roxa na psicologia
Significado da cor roxa na psicologia

Voltar ao topo da página