Psicologia clínica

Anorexia e anorexia nervosa: diferenças

 
Alejandro Garcia Mingrone
Por Alejandro Garcia Mingrone. 21 dezembro 2021
Anorexia e anorexia nervosa: diferenças

Um dia você se levanta e se vê no espelho de uma forma diferente de como costumava ocorrer. A imagem mudou, nada está igual. A imagem que o espelho reflete não te agrada, e a sensação que seu próprio corpo gera te influencia na hora de escolher os alimentos para consumir. Você não quer comer alimentos que fornecem poucas ou grandes quantidades de calorias mesmo que sejam saudáveis, já que isso provocaria um aumento de peso.

Assim, seu peso corporal começa a baixar até limites inimagináveis. No entanto, você continua se vendo com alguns quilos a mais que te produzem uma grande preocupação. Provavelmente você já escutou algum testemunho de alguém que tenha sofrido com isso, ou talvez tenha você mesmo tenha vivido isso. Efetivamente, estamos falando da anorexia. De todas as formas, não devemos confundir a anorexia com a anorexia nervosa. Poder entender quais diferenças nos dará mais ferramentas que devemos levar em conta. Quer saber mais sobre isso? Neste artigo de Psicologia-Online, te daremos informações sobre as 5 diferenças entre anorexia e anorexia nervosa.

Também lhe pode interessar: Tipos de anorexia
Índice
  1. A causa
  2. Aspecto psicológico
  3. Tipos de população
  4. Tipos de comportamentos
  5. O olhar próprio sobre o corpo

A causa

Quando falamos sobre a anorexia, estamos nos referindo a um transtorno alimentar caracterizado pela perda de apetite por diferentes alimentos. Desta maneira, isto produz uma significativa perda de peso corporal.

O surgimento da anorexia pode ter diversas causas. Por um lado, existem transtornos mentais como a depressão que podem ser desencadeantes deste quadro clínico. Além desta questão, também existem associações entre a anorexia e o consumo de medicamentos como antidepressivos, analgésicos, entre outros. Este tipo de condição também pode ser ocasionado por doenças orgânicas como câncer de tireoide, câncer gástrico ou insuficiência cardíaca.

Da mesma forma que a anorexia, a anorexia nervosa compartilha das mesmas qualidades quanto a seu modo de apresentação. No entanto, um dos pontos mais importantes a se levar em conta estabelece o fato de que existe uma restrição intensa diante da ingestão de comida por um medo do aumento de peso. Desta maneira, quando as pessoas que sofrem desta patologia consomem algum alimento, procuram métodos para compensar as calorias que incorporaram. Por este motivo, geralmente são frequente os vômitos provocados pela pessoa, o uso excessivo de diuréticos e/ou laxantes e o exercícios físico exacerbado.

Anorexia e anorexia nervosa: diferenças - A causa

Aspecto psicológico

A anorexia é uma doença que pode ser causada por fatores orgânicos tais como transtornos intestinais. Neste sentido, é habitual que apareçam sintomas próprios da anorexia como pouca vontade de comer alimentos ou bebidas gerados por certas doenças prévias com base orgânica. Em outras palavras, é possível que alguém apresente alterações no funcionamento do tubo digestivo e/ou o fígado e isto tenha consequências na vontade de comer.

Quanto à anorexia nervosa, o ponto crucial se vincula ao fato de ser gerada por fatores psicológicos associados a traumas da infância, distorção da imagem corporal, imitação de comportamentos de pessoas próximas, entre outros. Por sua vez, a restrição levada a cabo na alimentação não está vinculada com alguma doença orgânica, mas, sim, com a finalidade de conseguir uma imagem ideal que acaba sendo inalcançável.

Tipos de população

Outra das diferenças que existem entre a anorexia e a anorexia nervosa reside na população que sofre destes transtornos. Na anorexia, podemos mencionar que pode se manifestar em qualquer tipo de pessoa devido a que as causas não são específicas para nenhuma faixa etária em particular.

A respeito da anorexia nervosa, geralmente é mais frequente em mulheres jovens que se encontram transitando pela puberdade. No entanto, este quadro clínico também pode estar presente em mulheres de maior idade.

Anorexia e anorexia nervosa: diferenças - Tipos de população

Tipos de comportamentos

Um dos aspectos mais importantes que devemos levar consideração na hora de diferenciar a anorexia da anorexia nervosa está associado aos comportamentos que são praticados. Na anorexia, trata-se da perda de apetite provocada por problemas corporais. Isto produz com que se evite a ingestão de comida na raiz deste motivo principal.

Na anorexia nervosa, existem comportamento de evitação tais como se retirar da mesa na hora de comer, esconder alimentos para logo jogá-los fora e assim evitar seu consumo. Por outro lado, também pode acontecer que a pessoa produza um forçamento do vômito para tirar de seu organismo o que ingeriu previamente. Mais ainda, comportamentos tais como realizar exercício físico de modo compulsivo até chegar a um esgotamento excessivo ou utilizar diuréticos ou laxantes são características que marcam uma diferença com respeito à anorexia.

O olhar próprio sobre o corpo

Na anorexia, a pessoa geralmente não tem uma consciência clara sobre a perda de peso. Na raiz disto, é frequente que não exista uma preocupação pela imagem do corpo.

No entanto, na anorexia de tipo nervosa está presente uma alteração da imagem corporal devido às causas psicológicas que mencionamos. Sob estas circunstâncias, os comportamentos que alguém que sofre deste transtorno pratica tem como objetivo principal uma diminuição do peso corporal. De todos os modos, aqui existe uma dificuldade no registro do próprio corpo, já que os quilos perdidos têm graves consequências para a saúde física e mental.

Pelos motivos que descrevemos, devemos ressaltar a importância de procurar um profissional de saúde diante do surgimento de alguma das manifestações vinculadas à anorexia e à anorexia nervosa.

Neste artigo você encontrará mais informações sobre transtornos alimentares.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Anorexia e anorexia nervosa: diferenças, recomendamos que entre na nossa categoria de Psicologia clínica.

Bibliografia
  • Bravo Rodríguez, M., Pérez Hernández, A., Plana Bouly, R. (2000). Anorexia nerviosa: características y síntomas. Revista Cubana de Pediatría, 72 (4), 300-305.
  • Asociación Española de Pediatría. Trastornos del comportamiento alimentario: Anorexia nerviosa y bulimia nerviosa. Recuperado de: https://www.aeped.es/sites/default/files/documentos/anorexia_bulimia.pdf
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 3
Anorexia e anorexia nervosa: diferenças