menu
Partilhar

O que é ser uma pessoa intensa

 
Por Equipe editorial. 31 maio 2022
O que é ser uma pessoa intensa

Não é a mesma coisa viver a vida com muita intensidade e ser uma pessoa intensa. Mesmo que seja normal que as pessoas tenham diferentes personalidades, as que são intensas consomem muita energia de seu entorno, visto que suas emoções são profundas, focadas e até exageradas. Portanto, antes de começar a interagir com alguém que tenha esta atitude, deve saber muito bem o que vai enfrentar.

Se alguma vez te falaram que você é muito intenso/a ou acredita que alguém próximo de você tem essa personalidade, neste artigo de Psicologia-Online você verá o que é ser uma pessoa intensa. Além disso, te daremos alguns conselhos para deixar esta intensidade para trás.

Também lhe pode interessar: O que é uma pessoa carismática

O que é ser uma pessoa intensa

Segundo a psicologia, as pessoas intensas são aquelas que experimentam sensações muito profundas e apaixonadas, tanto as que são positivas como as negativas. Portanto, ao ficarem muito conscientes de seu mundo interior, podem desenvolver padrões de pensamentos contínuos que as levam a ser obsessivas.

Segundo o Dicionário da Real Academia Espanhola[1], as pessoas intensas são aquelas veementes e vivazes que sentem intensamente. Esta definição deixa claro que esta qualidade não tem apenas uma conotação negativa, mas que também se refere a uma terminologia que se associa com a profundidade das experiências. Por exemplo, no trabalho às vezes se exige certo nível de intensidade para superar determinadas tarefas.

Agora, como uma pessoa intensa age? Quando o enfoque sai do controle e se perdem as perspectivas das emoções, podem cair em um padrão comportamental obsessivo. Obviamente, isto prejudica a pessoa em seu interior, assim como também as pessoas que estão ao redor dela.

Unido a isso, as pessoas intensas são incapazes de ocultar ou dissimular o que sentem. De fato, nem sequer tentam. Esta atitude as oprime e faz com que não sejam donas de suas emoções. Além disso, quando querem algo fazem de tudo para conseguir e não têm medo de expressar seus pensamentos.

Características de uma pessoa intensa

As pessoas intensas nunca ocultam seus sentimentos. Além disso, apresentam certos traços marcantes. A seguir, te mostraremos as principais qualidades de uma pessoa intensa:

  • São altamente sensoriais: o que se descreve como uma grande sensibilidade para o processamento emocional.
  • Tendem a ser melancólicos ou muito eufóricos por natureza: portanto, experimentam os extremos emocionais com muita força.
  • Podem contatar e mandar mensagens à pessoa que as interessa: fazem isso sem medir o tempo que gastam ou sem perceber que fazem isso.
  • São conversadores compulsivos: poucas vezes deixam as outras pessoas falarem.
  • Focam-se em um objetivo: de fato, não olham além disso para saber se estão prejudicando terceiros ou não.
  • Frequentemente procuram o contato sensorial de quem os escutam: sejam através de palmadas, toques nas costas ou nos ombros, o que chega a ser incômodo.
  • Lançam comentários ou palavras inapropriadas diante de quem seja.
  • São possessivos, dominantes, asfixiantes e ciumentos.
  • Respondem com muito drama: todas as notícias ou circunstâncias são levadas muito a sério.
  • Exageram o significado de todas suas relações interpessoais e emocionais.
  • Não temem os desafios: sempre estão dispostas a aceitar qualquer desafio. Por isso, também são incrivelmente motivadas, o que se converte em uma qualidade positiva.

Como parar de ser intensa - 5 conselhos

O primeiro passo para deixar de ser uma pessoa intensa é respeitar o espaço dos outros e as decisões que tomam. Apenas dessa maneira poderá manter um limite apropriado com a individualidade de cada um. Além disso, também te recomendamos seguir estes conselhos:

  • Limite suas expectativas: procure não se apegar com facilidade excessiva diante das emoções e dos sentimentos. Isto é, relaxe um pouco quanto ao que espera das outras pessoas, já que nem todo mundo sente ou pensa da mesma forma que você.
  • Aprenda a identificar os gatilhos emocionais: quando você identifica as situações que podem ativar suas emoções, é mais fácil aprender a colocar um pouco de controle nas atitudes que terá diante delas. Isto é, pratique a inteligência emocional.
  • Reconheça que a intensidade pode causar danos em suas relações: ao contrário do que se acredita, ser intenso/a não é nada positivo para manter o equilíbrio em uma relação, já que as outras pessoas podem se sentir sufocadas. Por isso, é fundamental dar um passo para trás e avaliar as consequências que as atitudes intensas que tendem a provocar ao seu redor.
  • Confie: a confiança é o ponto neurálgico para que uma relação se mantenha no tempo. Embora, confiar é respeitar o espaço pessoal e aceitar que ninguém é dono de ninguém.
  • Procure ajuda: se você sente que o problema saiu de seu controle, nunca é demais procurar ajuda com algum especialista. Este profissional te fornecerá as estratégias mais assertivas para que saia de um círculo atitudinal que pode te afastar de quem você mais aprecia e ama.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que é ser uma pessoa intensa, recomendamos que entre na nossa categoria de Personalidade.

Referências
  1. Diccionario de la Real Academia Española. Definición de intenso. Disponível em: <https://dle.rae.es/intensidad> Acesso em: 30 de maio de 2022.
Bibliografia
  • Calle, R. A. (1998). Guía práctica de la salud emocional: cómo curar sus emociones negativas para acceder a una vida más plena y feliz (Vol. 507). Edaf. Disponível em: <https://books.google.co.ve/books?hl=es&lr=&id=7oNCJ6D3HBEC&oi=fnd&pg=PA9&dq=como+dejar+de+ser+una+persona+intensa&ots=bFVtMPB7Co&sig=HG1VOIu3qkhT0r7MiCkvQo0Asno#v=onepage&q&f=false> Acesso em: 30 de maio de 2022.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
O que é ser uma pessoa intensa
O que é ser uma pessoa intensa

Voltar ao topo da página