menu
Partilhar

Quem tem TOC é mais inteligente?

 
Por Alejandro Garcia Mingrone. 20 março 2023
Quem tem TOC é mais inteligente?

Quando vemos uma pessoa extremamente estruturada e ordenada em suas tarefas diárias, é normal acreditar que se trata de alguém muito inteligente e aplicado. Depois de tudo, em geral ter certa idealização de quem mantém rituais preciosos sobre várias situações da vida cotidiana. Quantas vezes vemos alguém contanto números antes de tomar uma decisão importante? De que modo uma pessoa que tem intenção de organizar seu quarto seguindo certos critérios específicos age? Neste sentido, podem surgir alguns questionamentos interessantes sobre o grau de inteligência que pode ser desenvolvido por pessoas que possuem algumas obsessões que não podem ser deixadas de lado.

Quem tem TOC é mais inteligente? Neste artigo de Psicologia-Online explicaremos.

Também lhe pode interessar: TOC tem cura?

pessoas com TOC são mais inteligentes?

Apesar de ser impossível fazer uma generalização absoluta, podemos pautar alguns dados concretos sobre este tema. Segundo diversas pesquisas realizadas, se chegou à conclusão de que as pessoas inteligentes tendem a ter TOC ou Transtorno Obsessivo Compulsivo devido a que suas estruturas mentais dão lugar a esquemas rígidos, meticulosos e detalhados sobre diversas áreas da vida cotidiana.

Dito de outra forma, a inteligência é uma qualidade que se destaca nas pessoas que têm TOC, porque é necessário que os momentos que se produzam tenham uma resolução específica. Por sua vez, seria complexo pensar no fato de que alguém com este transtorno da saúde mental careça de um coeficiente intelectual elevado para enfrentar rituais.

Neste artigo você encontrará mais informações sobre os Tipos de TOC e seus sintomas.

Quem tem TOC é mais inteligente? - pessoas com TOC são mais inteligentes?

Quem é mais propenso a ter TOC

De forma geral, as pessoas com qualidades detalhistas, rígidas, inflexíveis às mudanças possuem maiores possibilidades de serem diagnosticadas com este quadro clínico. Isto se mostra independente do sexo biológico, se bem que os homens podem ter mais predisposição a adotar este tipo de características de personalidade.

Por outro lado, as pessoas que possuem uma necessidade imperiosa de ter situações sob controle geralmente adota rituais e/ou obsessões para levar adiante situações e evitar momentos de ansiedade ou estresse, produto da imprevisibilidade da vida cotidiana.

Quem tem TOC é mais inteligente? - Quem é mais propenso a ter TOC

Quais qualidades as pessoas com TOC possuem

A partir da informação vislumbrada nos tópicos anteriores, é possível delimitar alguns critérios específicos que permitem identificar às pessoas com TOC. Cabe destacar que devem se considerar as particularidades de cada caso pontual, já que nenhuma pessoa é igual a outra. A seguir, te explicamos as qualidades mais transcendentais:

Perfeccionismo

Se realizarmos uma análise do nome que este quadro clínico recebe, notaremos que a denominação "Transtorno Obsessivo Compulsivo" aponta que existe uma compulsão em alcançar um determinado objetivo. No caso das pessoas perfeccionistas, surge uma necessidade irrefreável de conquistar metas inalcançáveis que ocasionam um profundo desgaste à pessoa.

Isto se deve ao fato de que a perfeição é impossível de conseguir devido a que sempre haverá algum detalhe na vida cotidiana que não seja do modo que havia se pensado anteriormente.

Ordem

As pessoas diagnosticas com este quadro clínico tendem a buscar uma ordem constante em qualquer atividade que desenvolvam. Desta maneira, tentam replicar esta condição em rotinas, hábitos, costumes, entre outros.

Como exemplo, uma pessoa poderia limpar as mãos com sabão durante três minutos e logo tocar uma mesma toalha antes de realizar outra ação. Esta rotina é inflexível e não pode se modificar a sequência da mesma porque alteraria a ordem preestabelecida.

Pensamentos repetitivos

As pessoas que sofrem este transtorno possuem pensamentos incessantes, geralmente associados a eventos catastróficos que seriam provocados se deixassem de realizar ações e rituais obsessivos. O lado paradoxal deste ponto reside em que a pessoa tem noção do quão extrema é esta ideia, já que não ocorreria nada trágico se deixasse de lado um ritual, mas ainda assim não pode evitá-lo.

Por exemplo, alguém pode acreditar que se tocar dez vezes uma porta evitará que um ser querido morra atropelado por um carro. Apesar de que isto não alteraria o curso das ações, a intensidade dos pensamentos é muito pesada. Desta forma, se opta por continuar com as obsessões e compulsões que se estabeleceram anteriormente.

Quer saber se o TOC tem cura? Recomendamos que leia este articulo de Como vencer o TOC.

Quem tem TOC é mais inteligente? - Quais qualidades as pessoas com TOC possuem

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Quem tem TOC é mais inteligente?, recomendamos que entre na nossa categoria de Psicologia clínica.

Bibliografia
  • Asociación Estadounidense de Psiquiatría (2013). Manual Diagnóstico y Estadístico de los trastornos mentales (5ta edición). Arlington: Editorial Médica Panamericana.
  • De la Cruz Villalobos, N. (2018). Trastorno Obsesivo Compulsivo. Revista Médica Sinergia, 3 (11), 14-18.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
Quem tem TOC é mais inteligente?
1 de 4
Quem tem TOC é mais inteligente?

Voltar ao topo da página