Psicologia clínica

Como se recuperar de um surto psicótico?

 
Alejandro Garcia Mingrone
Por Alejandro Garcia Mingrone. 27 abril 2023
Como se recuperar de um surto psicótico?

Depois de passar por um surto psicótico é importante buscar tratamento médico e psicológico, seguir as recomendações do profissional de saúde, cercar-se de apoio social e trabalhar em estratégias de autocuidado para controlar os sintomas e a sequelas do surto psicótico, além de prevenir futuros surtos.

De fato, atualmente, muitas pessoas sofrem de doenças psiquiátricas que requerem alguns cuidados específicos para evitar prejuízos posteriores. No entanto, existem momentos que não podem ser antecipados e seus efeitos poderiam ser extremamente prejudiciais. Por esse motivo, é necessário contar com dados precisos e contundentes para ajudar essas pessoas que sofrem surtos psicóticos. Neste artigo de Psicologia-Online iremos explicar se como se recuperar de um surto psicótico?

Também lhe pode interessar: Sequelas de um surto psicótico

Índice

  1. Fazer terapia psicológica e farmacológica
  2. Criar rotinas
  3. Manter uma alimentação saudável
  4. Praticar atividade física
  5. Ter uma rede de apoio saudável
  6. Estabelecer objetivos a curto prazo

1. Fazer terapia psicológica e farmacológica

Diante da aparição de sintomas graves que desencadeiam uma crise psicótica, é primordial realizar terapia psicológica e farmacológica. Por um lado, a terapia psicológica ajuda a controlar os pensamentos, emoções e comportamentos por meio da implementação de estratégias conforme as necessidades de cada paciente. Além disso, nesse espaço é possível identificar momentos de complexidade que são abordados de forma precisa.

Por outro lado, a medicação tem um papel transcendental para diminuir a intensidade dos sintomas e das sequelas do surto psicótico. Neste sentido, os medicamentos antipsicóticos fornecem estabilidade e incidem no processamento neural que se produz no sistema nervoso central.

Como se recuperar de um surto psicótico? - 1. Fazer terapia psicológica e farmacológica

2. Criar rotinas

Um surto psicótico costuma alterar a ordem das coisas que poderiam ser alcançadas em vários momentos da vida. Por isso, depois de ter começado os tratamentos mencionados anteriormente, é fundamental criar rotinas que possam ser sustentadas com o tempo para recuperar a constância e alguns hábitos perdidos.

No entanto, é importante destacar que os tempos de recuperação podem ser mais longos conforme a gravidade do quadro clínico. Por este motivo, é necessário ter paciência e tranquilidade em cada situação.

3. Manter uma alimentação saudável

Embora seja verdade que os alimentos não são a razão principal que desencadeia um surto psicótico, é pertinente dar atenção a eles. Existem diversos alimentos que podem alterar o sistema nervoso central e colocá-lo em estado de alerta constante.

Como consequência, ao longo do tempo poderiam surgir episódios de ansiedade ou estresse na vida de uma pessoa que esteja atravessando momentos complexos. Pos este motivo, é importante seguir uma alimentação saudável e que melhore a saúde física e mental da pessoa.

4. Praticar atividade física

Os movimentos corporais são um dos focos principais que devem ser atendidos depois de passar por um episódio de crise psicótica. Neste sentido, praticar alguma atividade física permite que a pessoa possa descarregar tensões acumuladas e liberar hormônios vinculados à felicidade.

No entanto, neste casos, é importante escolher uma atividade física que seja prazerosa para a pessoa ao invés de uma que represente apenas uma obrigação.

5. Ter uma rede de apoio saudável

As pessoas que nos cercam influenciam em nossos pensamentos, emoções e comportamentos diários. Isso se torna especialmente importante nos momentos posteriores ao surgimento de um surto psicótico.

Nesses casos, é necessário o acolhimento emocional de familiares e amigos para favorecer um melhor estado de humos no processo de recuperação. Apesar de que podem ter dias mais complicados que outros, o apoio da rede de apoio ajuda a melhorar nossas habilidades comunicativas e a elevar a autoestima.

Como se recuperar de um surto psicótico? - 5. Ter uma rede de apoio saudável

6. Estabelecer objetivos a curto prazo

Além do fato de que muitas pessoas possuem projetos que durem por muitos anos, esse tipo de situação exige que a pessoa possa pensar em objetivos a curto prazo. As metas prolongadas poderiam desencadear altos níveis de ansiedade, estresse, angústia e raiva que produzem situações complicadas.

Quando uma pessoa sofre um surto psicótico, a noção de tempo e espaço costumam desaparecer. No entanto, estabelecer objetivos a curto prazo ajuda a canalizar os sintomas próprios do quadro e a repensar algumas atitudes sobre sua vida. Se você quer saber mais sobre esse tema, neste artigo iremos explicar quais são as sequelas de um surto psicótico.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como se recuperar de um surto psicótico?, recomendamos que entre na nossa categoria de Psicologia clínica.

Bibliografia
  • Morlet-Barjau, A., Ortiz-Maldonado, E., Moscoso-López, M. (2008). Manejo del Paciente Psicótico en el Servicio de Urgencias de un Hospital General. Revista Salud en Tabasco, 14 (3), 792-806.
  • Vispe Astola, A., Hernández González, M., Ruiz-Flores Bistuer, M. , García Valdecasas Campelo, J. (2015). De la psicosis aguda al primer episodio psicótico: rumbo a la cronicidad. Revista de la Asociación Española de Neuropsiquiatría, 35 (128), 731-748.
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 3
Como se recuperar de um surto psicótico?