Partilhar

Tipos de psicopatas e suas características

 
Por Equipe editorial. 12 junho 2020
Tipos de psicopatas e suas características

Existem diferentes tipologias de psicopatas de acordo com estudos realizados por diversos autores. As mais determinantes e importantes são as realizadas por Schneider, Blackburn, Millon e Lykken. Neste artigo de Psicologia-Online, aprofundaremos nas características de cada classificação realiza pelos diferentes autores, pois é muito importante entender como agem para compreender melhor a psicopatia e, portanto, tratá-la com rigor científico. Vejamos os 26 tipos de psicopatas e suas características.

Também lhe pode interessar: Como age um psicopata apaixonado?

Tipos de psicopatas de acordo com Schneider

Kurt Schneider foi um psiquiatra alemão que elaborou uma classificação que corresponde a 10 tipologias diferentes de psicopatas que apareceram em seu livro "Las personalidades psicopáticas" no ano de 1943. Para realizar a classificação de psicopatas, se baseou em suas personalidades.

  • Hipertímicos
  • Depressivos
  • Inseguros de si mesmos
  • Fanáticos
  • Necessitados de estima
  • Humor instável
  • Explosivos
  • Desalmados
  • Abúlicos
  • Astênicos

1. Psicopatas hipertímicos

Esse grupo de psicopatas é caracterizado por ter um humor fundamentalmente alegre, além disso, são pessoas ativas e muito otimistas. Carecem de firmeza e de profundidade, são imprudentes, fáceis de influenciar e infiéis. Incorrem facilmente em delitos.

2. Psicopatas depressivos

Este grupo é caracterizado por ter uma predisposição depressiva e reservada. Predominam autocensuras e dúvidas, são tranquilos. O autor subdivide os psicopatas depressivos em

  • Melancólicos
  • Mal humorados
  • Com traços paranoicos

3. Psicopatas inseguros de si mesmos

Grupo caracterizado por sua insegurança, motivada por uma timidez interna, principalmente em plano físico e social. Se mostram seguros e arrogantes externamente. Costumam sofrer remorso de consciência. O autor subdivide os psicopatas inseguros de si mesmos em dois tipos:

  • Sensitivos
  • Anancásticos

4. Psicopatas fanáticos

São caracterizados por uma personalidade ativa e expansiva. Não hesitarão em cometer delitos e atos contrários à ordem social. Schneider distingue várias classes de fanáticos, dependendo de quais sejam seus propósitos:

  • Pessoais (lutam por seu direito, real ou suposto)
  • Idealistas (realizam manifestações a favor de seu programa)
  • Silenciosos
  • Excêntricos
  • Fantasiosos

5. Psicopatas necessitados de estima

São sujeitos que desejam aparentar mais do que são, necessitam ser notados. Excêntricos.

6. Psicopatas de humor instável

Mudam de humor de maneira brusca, humor irritável e depressivo. Reações impulsivas que terminam provocando uma fuga ou excesso de álcool.

7. Psicopatas explosivos

Esse tipo de psicopatas tem uma personalidade excitável e irritável, se irritam e ficam com raiva com grande facilidade.

8. Psicopatas desalmados

Sujeitos com dormência emocional, ou seja, que carecem de determinados sentimentos básicos como compaixão, vergonha, consciência ou senso de honra. Schneider enfatiza que um traço especial dos desalmados é a incorrigibilidade.

9. Psicopatas abúlicos

Este tipo de psicopatas é caracterizado pela falta de vontade e incapacidade de resistência. Sugestionáveis.

10. Psicopatas astênicos

Nervosos, caracterizados pela sua covardia e por sua preocupação por eles mesmos e não pelo que possa acontecer ao seu redor. O autor mostra que os psicopatas astênicos são encontrados em ambos sexos e até em crianças. Os considera psiquicamente insuficientes: baixa capacidade de desempenho, incapacidade de concentração e diminuição da memória. Além disso, fracassam no somático: não prestam atenção aos desconfortos ou pequenas dificuldades.

Tipos de psicopatas de acordo com Blackburn

Blackburn realizou uma abordagem interpessoal pela qual classificou os tipos de psicopata em quatro categorias:

  • Psicopatas primários
  • Psicopatas secundários
  • Psicopatas controlados
  • Psicopatas inibidos

11. Psicopatas primários

Os psicopatas dessa categoria são impulsivos, agressivos, hostis, extrovertidos, autoconfiantes, com baixa média de ansiedade. Neste grupo são encontrados predominantemente os narcisistas, histriônicos e antissociais.

12. Psicopatas secundários

Os psicopatas secundários são caracterizados por serem hostis, impulsivos, agressivos, socialmente ansiosos, isolados socialmente, mal humorados, com baixa autoestima. Dentro dessa tipologia são encontrados antissociais, evasivos, esquizofrênicos, dependentes e paranoicos.

13. Psicopatas controlados

Os psicopatas desse tipo costumam ser defensivos, controlados, sociáveis e não ansiosos. Esse grupo apresenta grau de transtornos de personalidade.

14. Psicopatas inibidos

Neste grupo de psicopatas, encontramos os tímidos, isolados, controlados, moderadamente ansiosos, com baixa autoestima. Aqui há esquizofrênicos, esquizotípicos e passivo-agressivos, mas mostram baixo grau de anti-socialidade.

Tipos de psicopatas de acordo com Millon

Millon foi um psicólogo americano que se destacou consideravelmente por seus estudos sobre a personalidade. Elaborou uma classificação baseada em nove tipos de psicopatas, deixando claro que nenhuma delas é excludente da outra, o perfil do sujeito pode ser composto de mais de uma tipologia. Sua classificação é a seguinte:

  • Psicopata sem princípios
  • Psicopata dissimulado
  • Psicopata tomador de riscos
  • Psicopata ganancioso
  • Psicopata fraco
  • Psicopata explosivo
  • Psicopata áspero
  • Psicopata maligno
  • Psicopata tirano

15. Psicopata sem princípios

Associado às personalidades narcisistas. Normalmente conseguem se manter com sucesso dentro dos limites legais e nunca entram em tratamento. Arrogante senso de autoestima, indiferença ao bem-estar dos outros e um estilo social fraudulento. Não é incomum que esse tipo de psicopatas busque explorar os outros, não se importam com os direitos alheios.

16. Psicopata dissimulado

Comportamento caracterizado por um verniz de sociabilidade e amizade. Por trás da aparência, esconde-se uma falta de confiabilidade, tendências impulsivas e profundo mal humor e ressentimento em relação aos membros de sua família e pessoas próximas. Busca de atenção geralmente expressa por comportamentos sedutores. Relações superficiais.

17. Psicopata tomador de riscos

Este tipo de psicopatas necessita sentir-se vivo e se envolver com facilidade em situações de riscos. Responde aos comportamentos de maneira impulsa é irreflexiva. Temerários e insensíveis, incapazes de serem autônomos, carentes de autodisciplina.

18. Psicopata ganancioso

Perseguem seu engrandecimento. Sentem que a vida os privou de amor, de apoio, de gratificações materiais... motivados por um desejo de retribuição a partir dos atos criminosos que cometem para preencher sua vida. Eles acreditam que, com suas ações, restauram o equilíbrio.

19. Psicopata fraco

Nesta tipologia de psicopatia é observada uma base de comportamento do tipo esquivo e dependente. Mostra uma imagem falsa de segurança e suas agressões buscam demonstrar que não tem medo. Caricaturas de pequenos tiranos, atitude intimidadora em relação ao mundo para demonstrar que ninguém pode se meter com eles.

20. Psicopata explosivo

Nesse caso, haveria muitos componentes do transtorno explosivo intermitente. A característica principal é o súbito e repentino surgimento de extrema hostilidade. Seu comportamento “explode”, de maneira que não há tempo de contenção.

21. Psicopata áspero

Este subtipo de psicopatia mostra sua rejeição ao outros de maneira passiva e indireta. Costumam ter discordâncias incessantemente com os outros, magnificando até a ação mais pequena para estar enredado em amargas e constantes disputas com as pessoas que os rodeiam.

22. Psicopata maligno

Assassinos em série ou/e comuns se encaixam nesse perfil de psicopata. Hostis e vingativos, seus impulsos buscam um fim destrutivo e maligno. Frios e cruéis, buscam vingança por supostos ataques sofridos, buscam a punição.

23. Psicopata tirano

Juntamente com o tipo anterior, é um dos mais perigosos e cruéis. Intimidador, avassalador e destrutivo. Estimulado pela resistência ou fraqueza, as quais aumentam o ataque ao invés de suavizá-lo ou detê-lo.

Tipos de psicopatas de acordo com Lykken

Lykken realizou diversos estudos de laboratório relacionado como o substrato biológico da psicopatia. Através desses estudos, diferenciou três tipos de psicopata:

  • Psicopata primário
  • Psicopata desestabilizado
  • Psicopata secundário

24. Psicopata primário

O traço principal nesse tipo de psicopatia é encontrado em um desvio em seu temperamento muito difícil de dominar desde a infância. Sistema de Inibição Comportamental Fraco associado ao medo, à inibição comportamental e aos comportamentos de evasão passiva.

25. Psicopata desestabilizado

Apesar de poder desfrutar de uma sociabilidade normal, os psicopatas desse grupo sofrem um transtorno orgânico, que ao se manifestar, os desequilibra muito até o ponto de não se sentirem responsáveis pelo comportamento ilícito e/ou antissocial que cometem.

26. Psicopata secundário

Este tipo de psicopatas apresenta excesso no Sistema de Ativação Comportamental. Está associado ao prêmio, à recompensa, à prevenção da dor e à busca do prazer. Ativação de comportamentos de aproximação.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Tipos de psicopatas e suas características, recomendamos que entre na nossa categoria de Psicologia clínica.

Bibliografia
  • Mata, E.(2000). Violencia y agresión en el psicópata.Revista Argentina de Clínica Neuropsiquiátrica,9(3).
  • López, C. & Robles, J. I .(2005). Aproximación histórica al concepto de psicopatía. Psicopatología Clínica, Legal y Forense, 5.137-168.
  • Yesuron, M. (2015). La psicopatía y su diagnostico. Estudios Sociohumanísticos, 17-31.

Escrever comentário sobre Tipos de psicopatas e suas características

O que lhe pareceu o artigo?

Tipos de psicopatas e suas características
Tipos de psicopatas e suas características

Voltar ao topo da página