Emoções

Consequências psicológicas da traição

 
Alejandro Garcia Mingrone
Por Alejandro Garcia Mingrone. 17 agosto 2022
Consequências psicológicas da traição

Poucas coisas na vida doem tanto como uma traição. Quando depositamos nossa confiança em alguém que não cumpre com sua palavra, a decepção surge no mais profundo de nosso ser. Deste modo, todas as expectativas e sonhos que havíamos tido em algum momento desaparecem por completo. Este fato pode ocorrer em diversas áreas, como por exemplo no trabalho, vínculos familiares ou nas relações de casal, entre outros.

Dessa forma, a traição e as infidelidades são algo tão comum em nossa sociedade que até mesmos podemos encontrá-las em uma grande quantidade de séries e produções cinematográficas. No entanto, é importante conhecer os efeitos das traições amorosas para a saúde mental. Neste artigo de Psicologia-Online, te forneceremos informações sobre consequências psicológicas da traição.

Também lhe pode interessar: Como superar a traição de amigo
Índice
  1. Desconfiança de outras pessoas
  2. Sentimento de culpa
  3. Angústia
  4. Isolamento social
  5. Insônia
  6. Estado de humor flutuante
  7. Baixa autoestima
  8. Transtornos alimentares
  9. Ciúmes
  10. Falta de prazer sexual
Ver mais >>

Desconfiança de outras pessoas

Quando um ente querido cometeu uma traição, nossa confiança pelas outras pessoas geralmente também diminui. Esta desconfiança é uma consequência da ruptura do acordo baseado em estabelecer um vínculo monogâmico. Em outras palavras, na maioria dos casos a traição está diretamente unida do fato de ter uma relação afetiva e sexual com uma só pessoa. Portanto, se algum dos membros do casal comete uma infidelidade, existem muitas probabilidades de que a outra pessoa tenda a desconfiar em outros vínculos sociais que se apresentem.

Sentimento de culpa

Outra das consequências psicológicas da traição é o sentimento de culpa. Neste caso, a pessoa que foi traída acredita ser a responsável pelo ocorrido por não ter realizado determinadas ações ou mudar aspectos de sua pessoa durante o relacionamento.

Isto se traduz em um profundo sentimento de culpa que invade a vida e afeta os vínculos cotidianos. Por exemplo, uma pessoa pode pensar que sofre uma traição por não ter sido suficientemente atenta durante a relação. Sendo assim, em muitos casos, o sentimento de culpa pode ser um modo de evitar responsabilizar a outra pessoa pelo ato que ela cometeu.

Consequências psicológicas da traição - Sentimento de culpa

Angústia

A sensação de vazio geralmente é uma das reações mais habituais após uma infidelidade. Isto corresponde com o fato de pensar que não existe a possibilidade de estabelecer uma relação de casal no futuro sem traições. Do mesmo modo, a angústia pode ser acompanhada pela crença de que em quase todos os vínculos amorosos ocorrem traições.

Isolamento social

Se a relação amorosa tinha uma intensidade muito elevada e se produz uma traição, uma das maneiras de reagir diante do dano psicológico ocasionado consiste em se isolar socialmente do entorno da pessoa infiel. Embora a desconfiança geralmente seja dirigida à pessoa que cometeu a traição, em muitos casos também é provável que estes sentimentos se ampliem para o entorno do qual o/a infiel faz parte, como seus amigos ou família.

Insônia

Uma das consequências da traição no casamento é a presença de alterações no sono. Em linhas gerais, os obstáculos que impedem um descanso adequado se intensificam e se tornam mais visíveis após ter ocorrido a decepção amorosa, já que os pensamentos recorrentes sobre isso se intensificam na hora de dormir.

Neste artigo você pode ver O que fazer quando não se consegue dormir.

Estado de humor flutuante

Apesar de que a variação no estado de humor é um fenômeno frequente em muitas pessoas, estas mudanças geralmente aumentam nos casos de traição, já que podem repercutir gravemente em seus sentimentos. Uma das reações mais habituais consiste na flutuação entre momentos de estados de fúria e outros de tristeza intensa.

Baixa autoestima

O fato de que uma pessoa seja traída por outra pode produzir uma baixa valoração de si mesma. Dito de outra forma, em casos de infidelidade a vítima pode sentir que suas qualidades possuem um valor escasso diante de outras pessoas. Portanto, é possível que surjam ou aumentem os sentimentos de inferioridade após passar por esta situação.

Transtornos alimentares

Existe uma forte relação entre o que comemos e nossa personalidade. Em alguns casos, a dificuldade para processar certos sentimentos pode ser refletida através de dificuldades na ingestão de alimentos. Por este motivo, os transtornos alimentares são outras das consequências psicológicas da traição, que podem estar caracterizadas por um excesso de comida, falta de apetite, entre outros.

Cabe destacar que a presença de algum sinal de alarme que possa sugerir um transtorno alimentar sempre deve ser avaliada por um profissional de saúde mental.

Se você quer saber mais sobre este tema, pode consultar Tipos de transtornos alimentares e suas características.

Ciúmes

A aparição de ciúmes é outra das manifestações que surgem nestas situações e denotam falta de segurança. Deste modo, as pessoas que passaram por uma infidelidade podem sentir uma grande carga de insegurança após descobrir a traição.

Falta de prazer sexual

O fator sexual geralmente influi diretamente na maioria dos relacionamentos de casal. Por este motivo, quando alguém está sofrendo por uma infidelidade, seu desejo sexual pode diminuir notavelmente. Sendo assim, a diminuição do desejo sexual pode se traduzir em um baixo desempenho sexual ou dificuldade para conseguir uma concentração focada no ato, entre outros.

Agora que você conhece as consequências psicológicas de uma traição, se você está pensando em perdoá-la e se pergunta como tratar uma pessoa que te traiu, pode ler o artigo Como superar uma traição e continuar o relacionamento.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Consequências psicológicas da traição, recomendamos que entre na nossa categoria de Emoções.

Bibliografia
  • Saldarriaga Guisao, L.M. (2015). La infidelidad: Una descripción psíquica desde un enfoque psicoanalítico. Un estudio de caso. Corporación Universitaria Lasallista. Facultad de Ciencias Sociales y Educación.
  • Varela Macedo, M. (2014). Estudio sobre infidelidad en la pareja: Análisis del contenido de la literatura. Revista Alternativas en psicología, 3 (30), 36-49.
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 2
Consequências psicológicas da traição