Partilhar

Ikigai: significado e como aplicar o método

 
Por Marta Thomen Bastardas, Psicóloga. Atualizado: 15 outubro 2019
Ikigai: significado e como aplicar o método

A nossa sociedade sempre buscou a resposta da fórmula da felicidade e da longevidade. Surpreendentemente, na ilha Okinawa parecem ter encontrado ambas as fórmulas, uma vez que não é só onde se encontram os maiores índices de longevidade do mundo, mas também encontraremos uma população saudável com uma atitude alegre e ativa. Os seus habitantes destacam que a causa se baseia no motivo pelo qual se levantam todas as manhãs, buscando um sentido profundo em cada um dos dias que se apresentam, mas qual o segredo? O ikigai.

Como encontrá-lo? E no caso de termos conseguido encontrar o sentido das nossas vidas, como potenciá-lo para que possa estar presente em todos os aspetos das nossas vidas? Para poder responder a estas duas questões, continue lendo esse artigo de Psicologia-Online onde explicaremos o que é Ikigai: significado e como aplicar o método da felicidade.

O que é Ikigai

O conceito Ikigai nasce na Iki (生き), el cual hace referencia a la vida y Kai (甲斐), entendido como la realización de aquello que uno quiere y desea, remontando-nos entre os anos 794 e 1185, no período do Heian japonês. A etimologia da palavra é composta por dois vocábulos: Iki (生き), que faz referência à vida e Kai (甲斐), entendido como a realização do que alguém quer e deseja. Então, o que significa ikigai? O significado de ikigai faz referência à razão de viver que todos temos e buscamos, a procura do sentido das nossas vidas e existências, desde o cotidiano.

Ikigai: significado

O significado de ikigai é a razão de ser, o sentido da vida, a realização, em definitivo, o propósito. Na cultura japonesa, é defendido que todas as pessoas possuem um ikigai. Algumas pessoas já o encontraram e são conscientes dele, podendo aplicá-lo na sua vida, e outros ainda não o descobriram e almejam encontrá-lo.

A nossa razão de ser ou ikigai se encontra oculta no nosso interior e, para poder acessá-la, é necessária uma exploração no mais profundo do nosso ser. O objetivo, assim, é encontrar um ikigai claro e definido para que se repercuta em nós uma frande satisfação e felicidade. Esta busca deve ser pessoal e intransmissível, o que nos leva ao próprio autoconhecimento e realização.

Como fazer um ikigai

Para a cultura japonesa, fazer um ikigai é um modelo de vida. Encontrar a nossa razão de ser não é o único motivo pelo qual os habitantes de Okinawa vivem tantos anos, mas é considerado um dos mais importantes. Assim, além de encontrar este descobrimento e realização do ikigai, são importantes outros fatores tais como: ser útil, cultivar a amizade, estar sempre ativo, ser consciente do que se come e ajudar sem ser inoportuno. Por isso, quando lhes perguntam qual é o seu segredo, os próprios habitantes revelam "uma sábia mistura de vida ativa e comida saudável, junto com um coração gentil rodeado de amigos" e são esses os fatores que aumentam a sua longevidade e qualidade de vida. Vejamos com mais detalhe:

Método ikigai: encontrar a sua razão de ser

O descobrimento do nosso ikigai consiste num trabalho que pode durar toda a vida, é uma busca que requer uma grande introspeção. Quando se alcança ou durante o caminho para alcançá-lo, o ikigai ajuda-nos a superar circunstâncias estressantes, fazendo-nos reconsiderar as nossas vidas e encontrando nele o significado da nossa razão de ser, que nos oferece motivação e felicidade diárias. O ikigai não deve estar relacionado com uma situação social ou econômica, mas sim no sentido do valor da vida, naqueles acontecimentos de caráter emocional e/ou espiritual que nos fazem ver que a vida vale a pena e que nos levam à autorrealização, a partir de ações espontâneas e com a ajuda dos demais. No entanto, para conseguir alcançá-lo, é necessária uma base pessoa de maturidade emocional.

Método ikigai: alimentação

Tal e como comentamos antes, um dos seus principais segredos é a alimentação e não só os alimentos que predominam na sua dieta, mas também como são consumidos. Em relação à alimentação, se enfocam em pequenas quantidades de comida, em alimentos naturais da própria terra e que sejam o mais frescos possível, sugerindo uma dieta praticamente vegetariana, contendo assim poucas calorias. Priorizam o consumo de:

  • Verdura
  • Fruta fresca de cada temporada
  • Arroz
  • Tofu
  • Algas
  • Peixe que contém ômega 3
  • Chá verde
  • Alho negro
  • Abobrinha
  • Goya
  • Cúrcuma como especiaria

Na sua alimentação, evitam aqueles alimentos que procedem de animais e quase sem consumo de açúcar ou leite. A sua dieta é muito baixa em lácteos, sendo ultrapassados desde a infância pela soja, e baixa no consumo de glúten. Também é muito importante mencionar que praticam uma alimentação “slow food”, comer lentamente, uma vez que o nosso cérebro não mostra sinais de saciedade até 20 minutos depois de ter ingerido a comida. Além disso, procuram estar cheios a 80%.

Em resumo, a sua alimentação consiste em comer alimentos que possuem propriedades curativas, em pequenas porções e até alcançar um 80% de saciedade.

Método ikigai: ativação

Manter uma vida ativa, onde a atividade está presente cada dia, é parte do método ikigai. No ikigai, se defende a preferência por se levantar cedo e fazer exercícios relaxados. Além disso, nessas culturas, o conceito de "aposentadoria" não existe, os idosos mantêm os seus ofícios até que a saúde o permita, uma vez que permite que continuem ativos e felizes por poderem faze ro que amam e continuar se sentindo úteis.

Método ikigai: a amizade

Outro dos aspetos importantes é formar parte de um moiai. Os moiais são entendidos como pequenos grupos formados pelos vizinhos que possuem interesses comuns e se ajudam mutuamente no dia-a-dia. Para esta cultura, é muito importante cultivar os vínculos de amizade, os quais oferecem segurança e companhia, assim como felicidade. Vivem em comunidade.

Ikigai: significado e como aplicar o método - Como fazer um ikigai

Exemplos de ikigai

Partindo da base da busca da nossa razão de ser, para poder encontrar o nosso ikigai devemos ter presentes os quatro componentes seguintes:

  1. O que você ama
  2. O que o mundo necessita
  3. Algo pelo qual possam te pagar
  4. Algo em que você é bom

Considerando isso, junto com a nossa paixão, missão, profissão, caminho e vocação, um ikigai pode ser qualquer coisa e diferente para cada um. Alguns exemplos de ikigai que podemos encontrar no ocidente são os seguintes:

  • Cuidar do planeta.
  • Criar algo novo para fazer que o mundo seja um lugar melhor.
  • O amor em relação ao seus seres queridos.
  • Ajudar os outros a encontrar o seu sentido da vida.
  • Conhecer outras culturas.
  • Trabalhar numa ONG.
  • Ser um bom médico, professor, atendente...

Ikigai: livro

Os autores do livro Ikigai, Francesc Miralles, nascido em Barcelona e Hector Garcia, nascido em Alicante, publicaram a obra em 2016. Os dois autores uniram a sua paixão pela cultura japonesa com o objetivo de descobrir o termo ikigai e o seu significado mais profundo. Para isso, iniciaram uma aventura pela ilha de Okinawa, para dar resposta à formula da “eterna juventude” e da felicidade. No libro Ikigai, os autores revelam os segredos desses habitantes, assim como as incógnitas para levar uma vida mais longa e plena. Contudo, o livro não está unicamente focado na aldeia de Ogimi, em Okinawa, embora tenha sido a sua fonte de inspiração para obter as grandes conclusões fundamentais do livro, as quais nos ajudam a entender a felicidade e a saúde física, mental e emocional.

No livro Ikigai, se encontram detalhadas as suas investigações empíricas, além de um conjunto de entrevistas realizadas à população de Ogimi. No livro, se analisam os fatores que têm influência em um estilo de vida otimista e vital, no qual estão implicadas a alimentação, a atividade, os métodos de trabalho, como se relacionam entre eles e, sobretudo, o método usado para encontrar o seu ikigai. O objetivo do livro consiste em dar a conhecer o significado de ikigai e ajudar as pessoas a encontrá-lo com o método ikigai, além de oferecer chaves da cultura japonesa que ajudam a ter mais longevidade, cultivando a saúde física, emocional e mental.

Ikigai: significado e como aplicar o método - Ikigai: livro

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Ikigai: significado e como aplicar o método, recomendamos que entre na nossa categoria de Crescimento pessoal e autoajuda.

Bibliografia
  • Del Rio, I. Ikigai: un concepto japonés que nos acerca a la felicidad de los centenarios. Urano
  • Miralles, F & Garcia, H. (2016). Ikigai: los secretos de Japón para una vida larga y feliz. Barcelona: Urano.
  • Sans, X. (2014). Suïcidi a Japó: la pèrdua de l’ikigai i els factors socials. Asiadémica, 4, 19.

Escrever comentário sobre Ikigai: significado e como aplicar o método

O que lhe pareceu o artigo?

Ikigai: significado e como aplicar o método
1 de 3
Ikigai: significado e como aplicar o método

Voltar ao topo da página