Psicologia clínica

Estresse emocional: como lidar com ele

 
Andrea Fernández García
Por Andrea Fernández García. 4 outubro 2022
Estresse emocional: como lidar com ele

O estresse é uma reação fisiológica adaptativa que te mantém alerta diante de uma ameaça, no entanto, em níveis excessivos pode significar um problema sério para a pessoa. Em uma sociedade como a atual, e devido à avaliação cognitiva que fazemos dos processos e situações que surgem no dia a dia, existe uma tendência a interpretar a grande maioria de estímulos como uma ameaça, sejam estas reais ou não.

Portanto, o estresse emocional em si não é negativo, mas pode se tornar se não for gerido de forma adequada. Neste artigo de Psicologia-Online, te falaremos sobre Estresse emocional: como lidar com ele.

Índice
  1. O que é estresse emocional
  2. Sintomas de estresse emocional
  3. Causas do estresse emocional
  4. Como controlar o estresse emocional

O que é estresse emocional

Lazarus e Folkman (1986) definem o conceito de estresse na base das interrelações que ocorrem entre a pessoa e o contexto na qual se encontra. Deste modo, o estresse emocional surge quando o indivíduo considera que uma situação supera os recursos que dispõe para enfrentá-la e coloca em perigo seu bem-estar pessoal.

Podemos classificar o estresse emocional em três níveis principais, de acordo com a duração e frequência de aparição:

Estresse agudo

O estresse agudo se manifesta como consequência de viver eventos súbitos e inesperados fruto de uma catástrofe natural ou uma situação de emergência. Toda situação que tenha como resposta um estresse físico ou mental desmedido pode provocar reações de estresse agudo (REA).

De forma geral, os sintomas de estresse emocional agudo aparecem a poucos minutos do impacto e tendem a desaparecer de maneira espontânea horas ou poucos dias mais tarde.

Estresse agudo episódico

As pessoas que sofrem estresse agudo episódico geralmente possuem vidas desordenadas, caracterizadas pelo caos e as crises. Sempre estão apuradas, mas sempre chegam tarde e se algo pode sair errado, sai errado.

Da mesma forma, assumem muitas responsabilidades, costumam ter muitas coisas nas mãos e não são capazes de organizar a quantidade de exigências autoimpostas nem as pressões que exigem sua atenção.

Estresse crônico

O estresse crônico, no entanto, surge quando uma pessoa nunca vê uma saída a uma situação "deprimente". É o estresse das exigências e pressões impossíveis durante períodos aparentemente intermináveis. Sem esperança, a pessoa abandona a busca por soluções.

Desta forma, gera-se uma visão do mundo ou um sistema de crenças que provoca um estresse interminável para a pessoa. Por exemplo, a pessoa com estresse crônico considera que o mundo é um lugar ameaçador e que os outros podem descobrir que ela finge ser o que não é, e assim tentará ser perfeita o tempo todo.

Estresse emocional: como lidar com ele - O que é estresse emocional

Sintomas de estresse emocional

Como o estresse emocional se manifesta? Segundo a APA (American psychologist association, 2010)[1], os sintomas mais comuns do estresse emocional são:

  • Problemas intestinais.
  • Problemas musculares.
  • Agonia emocional.
  • Superexcitação passageira.
  • Insônia.
  • Reexperimentação.
  • Evitação.
  • Maior sensação de ameaça atual.
  • Pensamentos ou emoções perturbadoras.
  • Mudanças comportamentais.
  • Comportamentos regressivos.
  • Hiperativação e sintomatologia física como hiperventilação ou problemas dissociativos do movimento e das sensações.

Segundo a classificação de Cuartero, A. (2020)[2], o estresse emocional pode se manifestar das formas seguintes:

  • Atordoamento e desorientação.
  • Sentimento de ameaça, isto é, a pessoa vive a situação como perigoso.
  • Confusão, baixa capacidade de concentração e dificuldade para pensar com clareza.
  • A pessoa pode estar bloqueada, sem um caminho claro a seguir.
  • Desespero e necessidade de ajuda imediata para sair dessa situação.
  • Demonstrações de apatia, desesperança e o pensamento de que "nada nem ninguém pode me ajudar".
  • O indivíduo é percebido como indefeso, vulnerável e sem recursos.
  • Nervosismo e agitação.
  • Possíveis dificuldades para sincronizar o evento ou situação de maneira lógica, sequenciada e coerente, portanto podem ocorrer intrusões. Estes buracos negros nos geram mal-estar e fazem com que as pessoas voltem a contar sua história várias vezes para completá-la.
Estresse emocional: como lidar com ele - Sintomas de estresse emocional

Causas do estresse emocional

O que o estresse emocional provoca? Dentro das causas de estresse emocional encontramos, principalmente, as crises. Isto é, situações que geram um estado temporal de transtorno emocional, desequilíbrio e desorganização que causam um colapso nas estratégias de enfrentamento já adquiridas.

A seguir, te mostramos alguns exemplos de situações que podem causar estresse emocional:

  • Situações de crise evolutiva, ligadas a uma etapa específica da vida da pessoa.
  • Crises circunstanciais: crises que aparecem de maneira inesperada e que estão mais associadas a fatores ambientais e desastres naturais.
  • Catástrofes naturais e artificiais.
  • Dificuldades econômicas.
  • Sobrecarga de trabalho.
  • Pressão externa e interna.
  • Falta de tempo livre.
  • Excesso de compromisso.
  • Dificuldades ou problemas nas relações interpessoais.
  • Ser perfeccionista demais.
  • Falta de tolerância.
  • Baixa tolerância à frustração.
Estresse emocional: como lidar com ele - Causas do estresse emocional

Como controlar o estresse emocional

Diante da dúvida de como controlar o estresse emocional, deve saber que se trata de uma reação fisiológica adaptativa que, em doses adequadas nos permite estar alerta e entrar em ação quando é necessário. No entanto, quando aparece de forma constante ou em grandes doses, o cortisol pode afetar outros processos psicológicos como a atenção, a memória, a percepção, a aprendizagem e a consolidação dos mesmos.

Um dos métodos que se empregam na terapia é o proposto por Capafons e Sosa em 2008, com o objetivo de expor a pessoa a situações de estresse em doses baixas e manejáveis para que no futuro consiga enfrentar situações mais complexas. A seguir, você encontrará diferentes tarefas que podem te ajudar a controlar o estresse emocional:

  • Identificar as situações que provocam estresse e compreender o mecanismo de ação das mesmas.
  • Treinamento em técnicas cognitivo-comportamentais.
  • Reestruturação cognitiva: trabalhar determinadas interpretações negativas para substituí-las por autoafirmações positivas e de enfrentamento.
  • Resolução de problemas.
  • Auto-reforço, autoinstruções e autoafirmações positivas.
  • Autocontrole e detenção do pensamento.
  • Dotar-se de uma autonomia maior na realização das tarefas.

Desta forma é possível tratar o estresse a nível fisiológico e cognitivo. Além disso, também podem ser usadas outras técnicas a nível comportamental como, por exemplo, a modelagem, que consiste em "copiar" como uma pessoa modelo reage diante de situações estressantes.

Rotinas para acabar com o estresse emocional

Além da ajuda psicológica que os métodos detalhados anteriormente podem te dar, também é possível controlar o estresse emocional com estas rotinas simples:

  • Respire profundamente: você perceberá que ajuda muito algo tão simples como tirar alguns minutos para se concentrar na respiração e deixar de pensar em todas as atividades que você precisa finalizar.
  • Durma entre sete e nove horas: a única maneira de conseguir é ir para a cama sem desculpas. Do contrário, a probabilidade de estar cansado e estressado no dia seguinte serão muito maiores. Se você está muito cansado e for possível, dê um bom cochilo.
  • Fale com alguém: se o estresse mexe com você, não permita que suas preocupações te agoniem. Fale com seus colegas de trabalho sobre o que te deixa inquieto, ligue para um amigo, escreva um e-mail para seus pais ou mande uma mensagem por WhatsApp para seus irmãos. Hoje em dia existem muitas maneiras para se comunicar com os outros, dessa forma não temos desculpas.
  • Faça atividades físicas: pratique o esporte que mais gosta e notará que o estresse irá desaparecer. Se você está no escritório e se sente muito estressado/a, saia e caminhe um pouco.
Estresse emocional: como lidar com ele - Como controlar o estresse emocional

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Estresse emocional: como lidar com ele, recomendamos que entre na nossa categoria de Psicologia clínica.

Referências
  1. American Psychologis Association (2010). Los distintos tipos de estrés. APA. Recuperado de: Los distintos tipos de estrés (apa.org)
  2. Cuartero, A., (2020). Psicología de emergencias y trastorno de estrés postraumático. [Apuntes Máster Internacional en psicología de catástrofes, crisis y emergencias. COPAO-Málaga].
Bibliografia
  • Caplan, G., (1964). Principles of preventive psychiatry. New York. TAVISTOCK PUBLICATIONS.
  • Lahad, M., en Cuartero, A. (2020). Recopilatorio de las principals aportaciones del professor Mooli Lahad en el ámbito del trauma y la psicología de las emergencias. [Apuntes Máster Internacional en psicología de catástrofes, crisis y emergencias. COPAO-Málaga].
  • Rosique, M.T. (2019). Avances en técnicas de intervención psicológica. Madrid: Ed. CEF.
Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
1 de 5
Estresse emocional: como lidar com ele