menu
Partilhar

Como aumentar a autoestima

 
Por Equipe editorial. 27 fevereiro 2021
Como aumentar a autoestima

A estratégia mais efetiva para melhorar a autoestima é aprender a conceber a si mesmo em termos mais realistas e com aceitação. De nada serve querer passar de uma visão completamente destrutiva de si mesmo a outra totalmente idealizada ou enganosa. O melhor é aprender a relativizar falhas e aceitar cada uma de nossas características físicas e psíquicas, entendendo que há coisas que é possível mudar, outras que é possível melhorar e outras que por sua própria natureza ou etiologia, são não modificáveis.

Se você se pergunta: como melhorar minha autoestima? Ou, como aumentar minha autoestima e segurança? Continue lendo este artigo de Psicologia-Online, onde você encontrará técnicas e exercícios e aprenderá como aumentar a autoestima em adultos e adolescentes.

Também lhe pode interessar: 50 Frases para aumentar a autoestima

Como melhorar a autoestima

A autoestima é o solo de uma pessoa, sobre o qual se constrói sua maneira de sentir e de agir. A autoestima está sempre presente e condiciona todos os aspectos da vida. Por isso, é tão importante trabalhar a autoestima com o objetivo de alimentar uma autoestima sadia, estável e positiva. Como melhorar a autoestima? Para que a autoestima seja uma base sólida e realista, é necessário chegar à origem da mesma. Para isso, você pode seguir estes 4 passos:

  1. Ser consciente dos pensamentos: para melhorar a sua autoestima, em primeiro lugar, você deve ser consciente de quais são seus pensamentos, tanto sobre si mesmo, como sobre os outros e sobre o mundo em geral. Estes pensamentos ou avaliações que fazermos sobre nós mesmos, sobre os outros ou sobre o que acontece, possuem uma conotação negativa ou positiva segundo nosso sistema de crenças.
  2. Reconhecer as crenças: se você quer melhorar sua autoestima, em segundo lugar, você deve examinar que crenças existem por detrás destes pensamentos. Isto é, muitas de suas características são neutras, no entanto, existem crenças arraigadas que agem como filtros em nossa mente. Então, ao observar a realidade objetiva e neutra, nosso próprio filtro se encarrega de avaliar negativamente ou positivamente essas características.
  3. Questionar as crenças: em terceiro lugar, quando você já for consciente das crenças que fazem você julgar a si mesmo de forma disfuncional ou negativa, para melhorar a autoestima, você pode começar a questionar estas crenças que foi adquirindo.
  4. Mudar as crenças: neste ponto, após questionar as crenças, você pode se perguntar se realmente são certas para você ou não. Se não são, você pode substituí-las por outras que sejam mais objetivas e adequadas para você.

Exercícios para aumentar a autoestima

Como elevar minha autoestima? Para melhorar a autoestima, é necessário conhecer a si mesmo, se aceitar e também se cuidar e se tratar bem, o que em psicologia chamamos de autocompaixão. Por isso, é necessário exercitar a consciência, trabalhar o autoconhecimento e praticar a autocompaixão. Você pode fazer isso com estes exercícios para melhorar a autoestima:

  1. Utilizar uma linguagem não pejorativa: se você está se questionando "como melhorar a autoestima?", você deve saber que este é um dos pontos mais importantes. Consiste em eliminar todas as palavras que tenham conotações negativas: burra, gordo, feia, ... Estes termos, especialmente se utilizados continuamente, pode devorar sua autoestima.
  2. Utilizar uma linguagem precisa: não exagere, nem embeleze os traços negativos, limite-se aos fatos. Por exemplo, "não sou bonita para os outros" é um termo impreciso. Teria de ser reformulado como "para determinadas pessoas sou mais atraente, e para outras, menos, porque"não sei fazer nada sem meu marido" teria que ser reformulada como "geralmente sigo as ideias de meu marido". tenho traços muito bonitos e outros nem tanto, depende em quais elas se prendem". A ideia de
  3. Utilizar uma linguagem específica em vez de uma geral: elimine termos como tudo, sempre, nunca, totalmente. Por exemplo, mudar "odeio estar sozinha" a outro tipo de formulação do tipo "eu gostaria de estar acompanhada nas vezes que estou sozinha em minha casa". Reconhecer que os problemas se dão em determinadas ocasiões e com determinadas pessoas.
  4. Encontrar exceções ou habilidades correspondentes: por exemplo "sou tímido quando tenho que conversar na balada, sou inseguro". Pode ser mudado para "sou tímido porque não posso falar tranquilamente, quando conheço alguém em outro contexto, me desenvolvo muito melhor. Meu ambiente preferido para conhecer pessoas é ..."

Como aumentar a autoestima - Exercícios para aumentar a autoestima

Como aumentar a autoestima

Realizar os exercícios anteriores para melhorar a autoestima pode ser complexo. Por isso, te trazemos algumas técnicas para melhorar a autoestima que podem te ajudar a colocar em prática as mudanças.

1. Para evitar os rótulos pejorativos, os seguintes pensamentos podem te ajudar:

  • Isso não sou eu, é apenas um rótulo.
  • Os rótulos exageram minha pior parte.
  • Os rótulos acabaram, é preciso especificar mais.
  • Tenho mais qualidades que defeitos, mesmo que agora não as vejo.
  • Sempre fiz o que pude e continuarei fazendo.
  • O que eu entendo exatamente por ...?

2. Para evitar os pensamentos de tudo ou nada, os seguintes pensamentos são úteis:

  • Todo mundo comete erros. É humano.
  • Às vezes você é perfeitamente competente e outras vezes menos.
  • Você nunca é totalmente incompetente.
  • Você faz bem o seu trabalho.
  • Não é o fim do mundo.

3. Quando você se encontra fazendo comparações, você pode utilizar as seguintes afirmações:

  • Todo mundo é diferente, com diferentes qualidades e defeitos.
  • Você não ter uma carreira não significa que você seja pior que os outros.
  • Não devo supor nada, mas sim comprovar.

4. Quando você se encontra "adivinhando" o que os outros pensam sobre você:

  • Não tenho como saber o que os outros estão pensando.
  • A única forma de saber a opinião dos outros é perguntando diretamente a eles.
  • Não suponha nada. Comprove.
  • Por que supor o negativo? Posso dar outra explicação?
  • Quais são os fatos?
  • Não sei o que pensam e não me importo.
  • Ele/a é gentil apesar de tudo. Quem sabe o que realmente sente?
  • É uma perda de tempo tentar inventar o que pensam de mim.

5. No caso de você se deixar levar pelo raciocínio emocional, os seguintes pensamentos podem te ajudar:

  • Meus sentimentos não são automaticamente verdadeiros.
  • Mentira, minhas emoções me enganam!
  • Desconfie de todos os sentimentos repentinos.
  • Quais são os pensamentos que fazem eu me sentir tão triste e nervoso? Eu sei que se corrigi-los e mudá-los, esse mal-estar desaparecerá.

Confira também 50 frases para aumentar a autoestima.

Atividades para melhorar a autoestima

Como aumentar a autoestima? Além de aplicar os exercícios e técnicas psicológicas anteriores, você pode realizar outras atividades para melhorar a autoestima:

  1. Manter relações sociais: para aumentar sua autoestima, é recomendável manter uma vida social ativa e enriquecer as atividades com outras pessoas e as relações com os outros.
  2. Realizar atividade física de forma regular: se você quer aumentar a autoestima, ajudará se você se encontrar saudável e manter alguns hábitos saudáveis quanto a alimentação, descanso e exercício. Além disso, o exercício físico aumenta a liberação de endorfinas, que produzem bem-estar.

Livros para melhorar a autoestima

Para fortalecer e melhorar a autoestima, é uma boa opção complementar com biblioterapia para aprender mais sobre a autoestima e o autoconhecimento. A seguir, mostramos uma lista com 20 livros para melhorar a autoestima:

  1. 40 reflexões para despertar sua autoestima - Feli García
  2. Ame a si mesmo como se sua vida dependesse disso - Kamal Ravikant
  3. Autoestima em 10 dias - David Burns
  4. Autoestima: Avaliação e Melhora - Matthew Mckay, Patrick Fanning
  5. Autoestima para viver: Como confiar em si mesmo e conseguir o que você deseja - Hermínia Gomà
  6. Zero limites - Joe Vitale
  7. Como acreditar em si mesmo (de uma vez por todas) - Patricia Cleghorn
  8. Despertando o gigante interior - Anthony Robbins
  9. O poder da palavra - Louise Hay
  10. Apaixone-se por você: O valor imprescindível da autoestima - Walter Riso
  11. Inteligência Emocional - Daniel Goleman
  12. Os dons da imperfeição - Brené Brown
  13. Os seis pilares da autoestima - Nathaniel Branden
  14. Saia de sua mente, entre em sua vida - Steven C. Hayes
  15. Seja seu melhor amigo - Louis Proto
  16. Tome um café consigo mesmo - Walter Dresel
  17. Suas zonas errôneas - Wayne Dyer
  18. Você vale mais do que pensa: Acredite em você e desperte sua autoestima - Matthew McKay, Patrick Fanning, Carole Honeychurch y Catharine Sutker
  19. Uma vida sem limites - Nick Vujicic
  20. Você pode curar sua vida - Louise Hay

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como aumentar a autoestima, recomendamos que entre na nossa categoria de Crescimento pessoal e autoajuda.

Bibliografia
  • Branden, N. (1995). Los seis pilares de la autoestima. Paidós.
  • Branden, N., & Wolfson, L. (1989). Cómo mejorar su autoestima. Paidós.
  • Polaino-Lorente, A., & Manglano, J. P. (2003). En busca de la autoestima perdida. Bilbao: Desclée de Brouwer.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?

Como aumentar a autoestima
1 de 2
Como aumentar a autoestima

Voltar ao topo da página