Meditação e relaxamento

Modelo PERMA na psicologia positiva de Martin Seligman

 
Equipe editorial
Por Equipe editorial. Atualizado: 24 maio 2023
Modelo PERMA na psicologia positiva de Martin Seligman

O principal promotor da psicologia positiva, Martin Seligman, introduziu um novo paradigma em sua disciplina com o modelo PERMA em 1989. Seligman aproveitou seu discurso de posse como presidente da Associação Americana de Psicologia para apresentar suas iniciativas.

Até então, a psicologia era vista como uma disciplina que visava aliviar o sofrimento humano compreendendo e tratando transtornos de saúde mental e comportamentos desadaptativos. Mas, como apontou Seligman, combater o sofrimento mental de alguém não é o mesmo que proporcionar bem-estar. O especialista avançou o que viria a ser chamado de psicologia positiva, com a teoria do bem-estar busca deslocar o foco para tudo o que é bom e positivo na vida. Para isso, era necessário encontrar um modelo que se concentrasse nesses elementos.

Neste artigo de Psicologia-Online, falaremos sobre o modelo PERMA na psicologia positiva de Martin Seligman. Para Rebeca Gómez, psicóloga colegiada e professora do Instituto Europeu de Psicologia Positiva (IEPP), a Psicologia Positiva, com a qual trabalha diariamente, é a chave para crescer e se destacar como profissional, potencializando as forças pessoais e cuidando do bem-estar de seus pacientes e alunos.

Índice
  1. O que é o modelo PERMA de Martin Seligman
  2. Emoção positiva (P)
  3. Compromisso (E)
  4. Relações positivas (R)
  5. Significado (M)
  6. Realização (A)

O que é o modelo PERMA de Martin Seligman

Martin Seligman, que é considerado o fundador da psicologia positiva, estabeleceu a meta de que as pessoas possam estabelecer um futuro e avançar em direção a ele para alcançar a felicidade, emoções positivas e um bem estar significado.

Esse caminho só pode ser percorrido através de cinco elementos. Cada um deles é intrinsecamente motivador e contribui para o bem-estar. E embora sejam etapas que precisam ser superadas para alcançar o objetivo final, cada uma delas pode ser buscada por si mesma e medida independentemente.

O método é conhecido como PERMA, pela sigla formada por cada um de seus princípios. Assim, a P representa Positive Emotions (emoções positivas), a E é de Engagement (envolvimento), a R representa Relationships (relacionamentos), a M é Meaning and Purpose (significado e propósito), e finalmente, a A é de Accomplishment (realização).

Emoção positiva (P)

As emoções positivas no Modelo PERMA são aquelas que permitem que um ser humano cresça e esteja mais próximo da felicidade. Elas podem ser cultivadas internamente ou aprendidas externamente. Aqui estão incluídas alegria, amor, satisfação, esperança, gratidão ou compaixão.

Neste ponto, é importante destacar que as emoções positivas são muito mais complexas do que simplesmente se sentir feliz ou mostrar-se sorridente. Assim, uma pessoa pode se sentir feliz por ter superado uma intervenção cirúrgica grave olhando para o futuro com esperança, mas para que isso aconteça, ela teve que passar por um momento de alto estresse emocional.

Se quiser aprender mais sobre a Psicologia Positiva acesse o nosso outro artigo sobre o tema.

Compromisso (E)

A letra E em PERMA significa Engagement, que em português pode ser traduzido como engajamento ou compromisso. Aqui, mais do que Seligman, a figura chave é o psicólogo Mihaly Csikszentmihalyi, que definiu um conceito similar, o de fluxo. Com ele, o indivíduo vive o momento presente concentrando-se quase completamente em uma tarefa complexa. O engajamento é demonstrado, portanto, nas atividades que são realizadas ou em exercícios como a atenção plena ou mindfulness.

Relações positivas (R)

Como animais sociais, os seres humanos têm uma necessidade intrínseca de estabelecer laços com membros da mesma espécie. Eles fazem isso em tribos, famílias, círculos, organizações... A psicologia e outras áreas do conhecimento têm comprovado empiricamente que as conexões sociais ajudam a prevenir o declínio cognitivo e aumentar a saúde física.

Para Seligman, essas relações positivas estão estreitamente associadas à capacidade de fortalecer as interconexões com outras pessoas. Alguns exemplos que ajudam a potencializar essas relações são compartilhar boas notícias com os outros ou manter conversas carregadas de entusiasmo com outras pessoas.

Significado (M)

Com a palavra Meaning, ou significado em português, é acompanhado do propósito. A ideia é fazer com que as pessoas entendam que nossa existência no mundo está muito ligada a alcançar um propósito vital, ajudando aos outros. Assim, viver o dia a dia sem estabelecer objetivos, sem ter inquietações, pode não ser algo ruim, mas é sinônimo de se sentir vazio ou perdido. Por isso, buscar um significado para a própria existência deve levar a ganhar em satisfação.

Realização (A)

A letra A de Accomplishment significa realização. O modelo PERMA sugere que o indivíduo se sente mais satisfeito consigo mesmo quando trabalha para alcançar suas metas. Muitas pessoas afirmam que alcançar seus objetivos é sempre uma tarefa produtiva, embora isso também possa passar por fases desagradáveis. O próprio caminho em direção aos objetivos finais serve para deixar de lado as más sensações temporárias que podem surgir.

Na opinião de Seligman e da psicologia positiva, cobrir todos esses âmbitos é a chave para ter um bem-estar pleno. Não se trata de avançar em todos os elementos de maneira conjunta, nem de forçar o cumprimento deles, mas sim ter todos eles em mente.

Agora que você já sabe sobre o que é o Modelo PERMA, talvez te interesse saber sobre Como utilizar o Modelo PERMA no mindfulness.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Modelo PERMA na psicologia positiva de Martin Seligman, recomendamos que entre na nossa categoria de Meditação e relaxamento.

Escrever comentário
O que lhe pareceu o artigo?
Modelo PERMA na psicologia positiva de Martin Seligman