menu
Partilhar

O que é shifting

O que é shifting

O shifting, "shifting realities" ou a mudança de realidade, é a crença de que a mente tem a capacidade de mudar de uma realidade para outra quando desejar, através da teoria do multiverso, que estabelece que, à medida que existimos e tomamos decisões, criamos realidades alternativas.

Gostaria de explorar mais a fundo este fascinante tema? Neste artigo de Psicologia-Online, explicamos o que é shifting e como funciona essa tendência que está em alta em muitas redes sociais. Continue conosco nessa jornada para descobrir se é verdade que existem múltiplas realidades simultâneas e às quais você pode viajar através da consciência.

O que é shifting

O termo "shifting", originado em comunidades do TikTok, refere-se a uma prática na qual as pessoas imaginam e experimentam a sensação de mudar sua consciência de um universo/realidade para outro. Em suma, trata-se de uma forma de escapismo mental na qual você pode viver e criar realidades alternativas em sua mente. Essa premissa surge da teoria de Max Tegmark sobre o multiverso inflacionário, na qual ele estabelece que, após o Big Bang, o universo continua a se expandir e novas bolhas surgem, que são universos paralelos entre si.

No contexto do shifting, são usadas técnicas específicas, como visualização, meditação e afirmações para mergulhar em um estado de consciência no qual você sente que deslocou sua mente para uma realidade desejada ou fictícia. Por exemplo, você pode imaginar que está em um universo fictício de um filme, um livro ou até mesmo um local completamente imaginário.

Como funciona o shifting

O princípio do shifting, também conhecido como "realidade desejada" ou "reality shifting", baseia-se na ideia de que temos nossa própria realidade na qual habitamos e uma realidade desejada (RD) para onde queremos ir. No entanto, para elaborar o roteiro dessa viagem para a RD, é necessário ser uma realidade conhecida e que tenhamos visto anteriormente. Para fazer isso, você pode criar diferentes cenas ou situações em sua imaginação e mergulhar completamente nelas.

Por exemplo, você pode acreditar que está em um encontro romântico, em uma aventura emocionante ou em uma conversa com alguém que admira. Aproveite o processo e permita que sua mente se envolva na experiência que você criou. Como acontece com muitas habilidades mentais, o shifting pode exigir prática e repetição. Quanto mais você praticar, mais poderá aprimorar suas habilidades de visualização, concentração e criação de realidades alternativas.

É importante considerar que o shifting não implica em um deslocamento físico real para outros universos ou dimensões, tratando-se, na verdade, de uma prática mental e emocional na qual você mergulha em um estado alternativo de consciência para explorar e experimentar diferentes realidades em sua imaginação.

O que é shifting - Como funciona o shifting

Como fazer shifting de forma eficaz

O primeiro passo para fazer shifting é conhecer o lugar para onde deseja se deslocar, já que a mente não pode ir a um lugar que não reconheça. Quando isso estiver claro, imagine um cenário que deseja criar, como um filme, uma história em quadrinhos, uma paisagem, etc., para levar sua mente a esse universo.

Embora as experiências possam variar de pessoa para pessoa, existem alguns passos e técnicas gerais que costumam ser utilizados no processo de shifting. Confira:

  • Espere a hora de dormir: essa técnica só funciona durante as horas de sono, isto é, não quando você está acordado, em vigília;
  • Visualize a cena que deseja visitar: você também pode ouvir a música do filme para o qual deseja viajar. Por exemplo, se deseja mudar para a realidade de Star Wars, ouça a trilha sonora ou veja algumas imagens do filme;
  • Elimine todas as outras distrações e deite-se ou sente-se da maneira mais confortável possível;
  • Defina os objetivos que deseja alcançar, como relaxar um pouco, tentar escapar da realidade por um momento, sentir-se como seu personagem favorito, entre outras condições emocionais que esteja buscando;
  • Reflita sobre a realidade para a qual deseja viajar e evoque-a da maneira mais clara possível;
  • Faça exercícios que o conectem com essa realidade. Para isso, você pode repetir afirmações meditativas como "estou viajando para a realidade desejada". Dessa forma, você mantém o foco e pode entrar em um estado de auto-hipnose;
  • Use o método Raven: deite-se no estilo "estrela-do-mar" e conte regressivamente de 100 a 0 enquanto visualiza a realidade desejada. Qualquer outra técnica de auto-hipnose também pode ser útil.

Você saberá que teve sucesso no shifting se tiver memórias lúcidas de sua viagem. Lembre-se de que pode levar semanas ou até meses para aperfeiçoar essa técnica. Neste artigo, encontrará informações sobre como ter sonhos lúcidos.

Shifting é perigoso?

Até o momento, não existem evidências de que o shifting seja perigoso, uma vez que o corpo físico não faz efetivamente nenhuma mudança para a realidade desejada. No entanto, como acontece com a meditação ou a hipnose, é necessário praticar de forma segura para evitar possíveis dissociações da realidade ou distúrbios emocionais associados à viagem multidimensional.

É essencial manter um equilíbrio saudável entre o tempo dedicado à prática do shifting e as responsabilidades diárias. Certifique-se de não negligenciar suas tarefas, relacionamentos e obrigações na realidade em prol da prática do shifting, pois isso poderia afetar negativamente seu bem-estar físico e emocional.

Lembre-se de que o shifting é simplesmente uma forma de entretenimento, uma atividade fantasiosa ou uma ferramenta para aliviar temporariamente o estresse e a ansiedade. Se você deseja experimentar essa técnica, lembre-se sempre de distinguir realidade de ficção e busque manter um equilíbrio saudável entre o mundo real e as experiências imaginárias.

O que é shifting - Shifting é perigoso?

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a O que é shifting, recomendamos que entre na nossa categoria de Meditação e relaxamento.

Bibliografia
  • Tegmark, M. (1998). "The anthropic landscape of cosmology: Quantum fluctuations and the multiverse." Physical Review D 57.4: 3619-3631.
  • Tegmark, M. (2003). "Parallel universes." Scientific American 288.5: 40-45.
  • Tegmark, M. (2007). Our Mathematical Universe: My Quest for the Ultimate Nature of Reality. New York: Knopf.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
A sua avaliação:
Eu
Adorei saber mais sobre o shifting, eu basicamente amej, vou tentar ir pra uma better cr esses dias, me desejem sorte
Letícia Selzler
Também irei para uma better cr, boa sorte!
O que é shifting
1 de 3
O que é shifting

Voltar ao topo da página