Partilhar

Por que sinto que ninguém se importa comigo e o que fazer

 
Por Sara Sanchis, Psicóloga especializada em Crescimento Pessoal. 11 agosto 2020
Por que sinto que ninguém se importa comigo e o que fazer

Algumas pessoas vivem sentindo que não importam para ninguém e isto é uma experiência muito dolorosa que gera um grande mal-estar em sua vida. Essas pessoas se perguntam por que isso ocorre e o que poderiam fazer para, simplesmente, ser alguém. Não chegam a ter consciência do processo complexo de defesa psicológica que intervém para provocar esta situação.

Por que sinto que ninguém se importa comigo e o que fazer a respeito? No seguinte artigo de Psicologia-Online, vamos expor com detalhes o processo que ocorre nas pessoas que sentem que não importam para ninguém, o que causa este processo e de que modo é possível corrigir esta situação.

Também lhe pode interessar: Por que sinto que todo mundo me odeia

Ninguém se importa comigo

As pessoas que têm a sensação de que ninguém se preocupa com elas vivem esta situação com grande angústia. Têm pensamentos como "estou sozinha e ninguém se importa comigo" ou "minha esposa ou meu marido não se importa comigo". Mas, na verdade, esta sensação é uma percepção subjetiva totalmente sem motivos destas pessoas ou existe uma realidade objetiva que sustenta esta crença? E, se for assim, ao que se deve que ninguém se preocupe ou se interesse por elas?

Mesmo que a percepção desta realidade seja algo totalmente subjetivo que surge de uma crença interiorizada pela pessoa afetada, não é incomum que na maioria dos casos a realidade objetiva corresponda com a percepção desta pessoa, por dois motivos:

  1. O ambiente negligente. Porque o entorno familiar, efetivamente, negligenciou o cuidado desta pessoa durante sua infância por motivos variados (doença do cuidador ou da criança; maus tratos; incapacidade de cuidar adequadamente por ter outros filhos, por falta de habilidades parentais, etc.).
  2. A pessoa se distancia. A própria crença destas pessoas de que não importam para ninguém, as leva a tomar atitudes e comportamentos que, ao final, provoca com que as pessoas não as tenham em consideração.

O motivo que faz com que estas pessoas realmente não sejam atendidas se deve à "profecia autorrealizável", fenômeno que explicaremos no tópico seguinte.

Porque sinto que ninguém se importa comigo

Por quue sinto que ninguém se importa comigo? O principal motivo pelo qual as pessoas têm interiorizada a crença de que ninguém se preocupa com elas, está ligado a algum fato importante da infância:

  • Algum acontecimento traumático forte.
  • Experiências de estresse ou de falta de atenção, da gestação até o primeiro ano de vida.
  • Negligência.
  • Maltrato.

Este fato, geralmente acompanhado de um cuidado inadequado não consciente por parte dos progenitores ou de maltrato persistente, provoca nestas pessoas um sentimento de rejeição em relação a si mesmos, ao interiorizar como própria a ideia de que receberam de seus cuidadores o mesmo tratamento que ofereceu a eles: não mereço, não valho, por isso me rejeitam.

Devido à esta experiência, é instalado em seu inconsciente a ideia de falta de valor pessoal, que estabelecerá em seu interior uma espécie de filtro, que os levará a processar a informação externa e interna com base na crença errônea.

Como mecanismo de defesa, por não poder assumir que essa rejeição vem de si mesmo, a projetam nos outros, provocando o que na psicologia se chama "profecia autorrealizável", cujo funcionamento explicaremos a seguir.

A profecia autorrealizável

Projetar sua rejeição nos outros significa que estão convencidos de que as outras pessoas irão os rejeitar. Isto os leva a agir de maneira enganosa, evasiva e medrosa. É, precisamente, seu próprio comportamento, que se manifesta em nível verbal (pouco comunicativos, ansiosos, tom de voz inadequado, etc.) e sobre tudo em nível não verbal (postura encurvada, olhar evasivo, reticentes ao contato, contração corporal, etc.) o que provoca, finalmente, com que as pessoas não se aproximem ou se afastem depois da primeira aproximação. Esta reação generalizada em suas relações sociais, confirma sua crença inicial de que ninguém se preocupa com elas porque, na verdade, não merecem. Tratam-se de pessoas com autoestima muito baixa que dependem de uma maneira desmedida da aprovação externa.

O que fazer quando alguém não se importa com você

Como vimos, sentir que "ninguém se importa comigo" provém de uma crença e de algumas experiências que podem ser trabalhadas. Os passos que devem ser dados, através da terapia, para conseguir eliminar o mal-estar emocional que esta crença gera nas pessoas afetadas, são os seguintes:

  • O primeiro passo que se deve dar é tomar consciência de que parte dessa realidade está sendo gerada por suas próprias atitudes e comportamentos, e entender que esta forma de agir é determinada por um mecanismo de defesa criado na infância para se proteger da dor vivida em certa situação.
  • A partir daqui, será importante que a pessoa realize um processo de indagação pessoal para lembrar em que momento(s) e que fato(s) a levaram à assumir a crença de "não tenho valor, não importo para ninguém".
  • Esta revisão biográfica nos levará a reviver esta experiência, torná-la consciente, sentir a dor que nos gerou e aceitá-la como a verdade desse momento concreto.
  • Após a aceitação, é importante trabalhar a compaixão e o perdão em relação às pessoas que te causaram essa dor, tomando consciência de que elas fizeram o que podiam fazer naquele momento. Podemos comunicar ao paciente que qualquer pessoa, sempre, ofereceria amor, cuidado e atenção perfeitos se estivesse livre de suas próprias carências emocionais. Em certos casos, o processo de perdão é muito duro e doloroso e não pode acontecer. No entanto, o importante é que a pessoa seja capaz de entender a realidade que levou seus pais ou cuidadores a agir deste modo, que não poderia ser diferente, mas também que ela não provocou essa situação.
  • Neste momento do processo, será trabalhado com o paciente o desenvolvimento de seu verdadeiro potencial. Torná-lo consciente dessa nova imagem de si mesmo, muito mais real e de acordo com suas verdadeiras capacidades, o que devolverá a força para retomar sua vida de um modo muito mais positivo, saudável e respeitoso consigo mesmo e com seu entorno.

Este processo de se reencontrar com seu verdadeiro ser, permitirá viver aceitando a si mesmo. Deste modo, poderá se expressar de maneira assertiva, o que facilitará seus processos de interação social. A falsa e velha crença de não importar para ninguém perderá completamente seu significado e força.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Por que sinto que ninguém se importa comigo e o que fazer, recomendamos que entre na nossa categoria de Crescimento pessoal e autoajuda.

Bibliografia
  • Gutman, L. (2008). Crianza, Violencias invisibles y adicciones. RBA Libros S.A.

Escrever comentário sobre Por que sinto que ninguém se importa comigo e o que fazer

O que lhe pareceu o artigo?

Por que sinto que ninguém se importa comigo e o que fazer
Por que sinto que ninguém se importa comigo e o que fazer

Voltar ao topo da página