Partilhar

Como parar de chorar

 
Por Equipe editorial. 16 julho 2020
Como parar de chorar

Chorar é um instinto natural: uma resposta do ser humano à uma variedade de situações e uma forma de comunicação na primeira etapa da vida.

Os bebês choram para expressar uma necessidade: fome, dor, sono, cansaço... Conforme vamos crescendo, os motivos pelos quais choramos vão mudando e se convertendo em uma resposta a emoções muito diferentes como a tristeza, a alegria ou a raiva.

Quando o choro é incontrolável, pode nos afetar de diversas formas. Neste artigo de Psicologia-Online vamos te ensinar algumas coisas sobre como parar de chorar quando essa resposta natural escapa de seu controle.

Não consigo parar de chorar, é normal?

Chorar é uma resposta fisiológica ao processamento de emoções que nos causam uma forte atividade mental. Em geral, é uma resposta natural, adaptável e útil, já que nos permite expressar emoções como a tristeza ou a frustração. Portanto, podemos dizer que chorar é bom e saudável. No entanto, quando o pranto é constante ou incontrolável, é muito incômodo para a pessoa que sofre com ele. Até que ponto é considerado normal chorar sem parar?

Assim como em muitas outras questões, chorar é considerado normal até que comece a interferir com o desenrolar normal da vida. Em algumas etapas de nossa vida, é normal que o choro aconteça por períodos maiores como, por exemplo, quando há uma perda (falecimento de alguém próximo, separação, etc.).

Por que sinto uma vontade constante de chorar?

As causas do choro são a tensão e intensidade emocional, que acontecem por diferentes motivos:

Eventos estressantes e perdas

Como vimos, é possível explicar o choro constante como resposta a uma perda de alguém ou algo em nossa vida, ou situações de estresse e grandes mudanças.

Transtornos do estado de ânimo

Quando você não sabe o motivo do choro e mesmo assim não consegue deixar de chorar, é provável que este pranto esteja relacionado a um transtorno depressivo. Essa é uma das formas de diferenciar a tristeza da depressão. Aqui você encontrará mais informações sobre o a vontade de chorar sem motivo aparente. É certo que a vontade de chorar constante e contínua no tempo, é causada pela existência de um mal-estar latente.

Traços da personalidade

Outro motivo para chorar constantemente é relacionado a certos traços da personalidade. Por exemplo, as pessoas que apresentam pontuação alta em neuroticismo também tem mais predisposição para chorar, assim como na expressão de outras emoções.

Fatores hormonais

Os fatores e processos internos também interferem na probabilidade de aparição do pranto. As mudanças hormonais podem nos fazer mais sensíveis às emoções temporariamente, o que explicaria respostas mais intensas diante dessas emoções, como chorar.

Como parar de chorar por tudo

Nossas emoções são produto da interpretação que fazemos da realidade, por isso em muitos casos a intensidade das emoções é desproporcional aos acontecimentos.

1. Identificar a causa

Se você está passando por um período onde se sente mais sensível e vulnerável aos acontecimentos, e percebe que está chorando por coisas pelas quais antes você não chorava, você precisa descobrir se algo anda mal. É possível que isso seja efeito de alguma medicação que você está tomando, mudanças hormonais, problemas pendentes ou que esteja sofrendo de uma depressão não diagnosticada.

2. Abordar a causa

Uma vez que você identifique o(s) motivo(s) que levam você ao pranto constante, é hora de agir.

  • Para os problemas médicos, consulte com seu médico ou médica.
  • Se os problemas são psicológicos, é recomendável fazer terapia. Uma depressão precisa de um tratamento eficaz para ser superada. A terapia cognitivo comportamental é a que apresenta a maior eficácia no tratamento de transtornos depressivos. Dentro desta intervenção, a parte cognitiva busca modificar os pensamentos que fazem você interpretar os acontecimentos de uma maneira pouco realista e mal adaptada, e mudar por outras mais realistas. Isto permitirá que as emoções que você experimenta estejam mais de acordo com o que ocorre. Um sistema de crenças errôneo faz com que sua interpretação dos acontecimentos seja pouco realista, portanto, revisá-lo e adaptá-lo é necessário para uma expressão emocional sadia.

Como agir quando você não consegue controlar o choro

Como controlar o choro emocional? Você pode seguir estas ideias para se acalmar:

3. Questionar os pensamentos

Identifique os pensamentos negativos que vão aparecendo e submeta-os a uma prova de veracidade. Essa é a base da reestruturação cognitiva.

4. Utilizar as técnicas de respiração

Utilize a respiração diafragmática ou abdominal para desviar sua atenção dos pensamentos negativos e se concentrar na respiração.

5. Escrever

Escreva o que você está sentindo. Isto ajudará você a gerir melhor as suas emoções e vê-las por outra perspectiva. Além disto, é uma boa tarefa para melhorar sua inteligência emocional.

6. Sorria

Procure adotar posturas incompatíveis com o choro para, na medida do possível, romper com o ciclo.

7. Utilizar técnicas de relaxamento

Tente relaxar utilizando alguma técnica de relaxamento e/ou visualizações. Você encontrará uma visualização no final deste artigo.

8. Distraia-se

Distraia-se de seus pensamentos. Coloque o foco de sua atenção em algum objeto ou paisagem, escute uma música animada ou leia uma história alegre.

Como parar de chorar por amor

Chorar por alguém geralmente supõe uma perda, seja uma perda por uma ruptura ou por um falecimento, o que implica um processo de luto. O luto é um processo natural e necessário para superar a perda ou aprender a viver sem a pessoa que foi perdida.

Como parar de chorar por amor? Se você está chorando por uma ruptura sentimental, estas recomendações podem lhe ajudar:

9. Aplicar o contato zero

Eliminar todo contato possível com essa pessoa. Redes sociais, mensagens, ligações. Isto evita aumentar o sofrimento desnecessário.

10. Ocupar o tempo

Ocupe o seu tempo. Manter-se ocupado(a) vai facilitar você se distrair da tristeza da perda. Pense em atividades que você gostaria de fazer, planeje-as e se dê recompensas quando as realizar.

11. Apoiar-se em pessoas queridas

Passe tempo com amigos e familiares. As relações sociais evitam que você se isole e melhoram seu estado de ânimo.

12. Mantenha o foco nas razões da ruptura

Lembre-se de tudo o que não gostava dessa pessoa. Após uma ruptura, temos recordações tendenciosas de nosso(a) ex-companheiro(a), temos a tendência de lembrar do que gostávamos e de esquecer o que nos incomodava.

13. Cuidar de si mesmo(a)

Tome um tempo para prestar atenção em você. Muitas vezes cometemos o erro de procurar uma nova relação depois de um término. Mas se você não está preparado ou preparada, essa nova relação provavelmente não dará certo. Por isso é importante que você tire um tempo para você, e identifique o que você quer e o que não quer em um novo relacionamento, antes de começá-lo.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como parar de chorar, recomendamos que entre na nossa categoria de Psicologia clínica.

Bibliografia
  • Barragán, A. (2016) Cómo controlar cualquier emoción paso a paso. Amazon.

.

Escrever comentário sobre Como parar de chorar

O que lhe pareceu o artigo?

Como parar de chorar
Como parar de chorar

Voltar ao topo da página