Partilhar

Habilidades sociais: o que são, tipos, lista e exemplos

 
Por Nerea Babarro Rodríguez, Psicóloga. 29 abril 2020
Habilidades sociais: o que são, tipos, lista e exemplos

As interações sociais são muito comuns na vida cotidiana das pessoas, e é nessas situações interativas que as pessoas devem desenvolver e utilizar suas habilidades sociais, para poder manter uma conversa ou situação social mais apropriada possível. Gostaria de conhecer quais são essas habilidades sociais? Não hesite em continuar lendo este artigo de Psicologia-Online sobre habilidades sociais : o que são, tipos, lista e exemplos.

O que são habilidades sociais: definição

As habilidades sociais em psicologia são um conjunto de comportamentos e hábitos observáveis e de pensamentos e emoções que promovem a comunicação eficaz, os relacionamentos satisfatórios entre as pessoas e o respeito pelos outros, fato que leva a um melhor sentimento de bem-estar. Em outras palavras, trata-se de um conjunto de diretrizes de funcionamento das pessoas que as ajudam em seus relacionamentos e no respeito aos direitos dos outros e dos seus próprios.

Para que servem as habilidades sociais? A importância das habilidades sociais e capacidades sociais para os relacionamentos é inegável. São fundamentais no dia a dia das pessoas, pois proporcionam bem-estar e qualidade de vida, além de facilitar o desenvolvimento e manutenção de uma autoestima saudável. Pelo contrário, as pessoas com poucas habilidades sociais podem sentir estresse, desconforto e, com frequência emoções negativas (frustração, raiva, sensação de serem rejeitadas ou desvalorizadas…), além disso, as pessoas com deficiências sociais são mais predispostas a sofrerem alterações psicológicas como ansiedade e depressão.

Assim, para poder definir um comportamento hábil, três dimensões da habilidade social devem ser levadas em consideração. Em primeiro lugar, a dimensão comportamental, que se refere ao tipo de habilidade social. Em segundo lugar, a dimensão pessoal, vinculada às variáveis cognitivas da pessoa. Por último, a dimensão situacional, referente ao contexto ambiental.

Tipos de habilidades sociais

1. Habilidades sociais básicas

As habilidades sociais básicas são as primeiras habilidades que as pessoas adquirem e são fundamentais para poder iniciar uma comunicação e para mantê-la. Algumas dessas habilidades são: saber iniciar, manter e finalizar uma conversa, saber formular perguntas, etc.

2. Habilidades sociais avançadas

Essas são as habilidades que as pessoas aprendem depois de adquirirem as habilidades sociais básicas anteriores. Entre as habilidades sociais complexas, podemos encontrar: saber compartilhar uma opinião, assertividade, saber pedir ajuda, saber pedir desculpas, dar e seguir instruções, entre outros.

3. Habilidades sociais emocionais

Essas habilidades são caracterizadas por estarem intimamente ligadas ao gerenciamento e a identificação dos sentimentos e das emoções. Podemos encontrar: identificar e expressar sentimentos e emoções, empatia, respeito, entre outros.

4. Habilidades sociais de negociação

São aquelas habilidades sociais que promovem o gerenciamento dos conflitos de uma forma adequada. Encontramos habilidades como as seguintes: negociação, resolução de conflitos, altruísmo, compartilhamento com os outros, etc.

5. Habilidades sociais de organização

Essas habilidades são benéficas para poder organizar o dia a dia das pessoas corretamente, evitando causar estresse, ansiedade e outros aspectos de caráter negativo. Dentro dessa tipologia de habilidades sociais, podemos distinguir: capacidade de tomada de decisões, capacidades organizacionais, entre outros.

Lista de habilidades sociais

As habilidades sociais mais importantes para poder manter relações interpessoais saudáveis e de qualidade são as mencionadas na seguinte lista de habilidades sociais:

  • Empatia: é a capacidade para entender o que acontece com as outras pessoas (se colocar no lugar dos outros).
  • Assertividade: a assertividade é a capacidade de expressar as próprias opiniões e pensamentos baseando-se no respeito e defendendo os próprios direitos.
  • Respeito: capacidade de tolerar as pessoas, suas opiniões, seus pensamentos e suas ações, mesmo que tais pensamentos, opiniões e outros não sejam compartilhados.
  • Escuta ativa: a escuta ativa é a capacidade de ouvir atentamente às outras pessoas, demonstrando que elas estão sendo ouvidas.
  • Negociação: capacidade de negociar com outras pessoas sobre diferentes interesses ou benefícios específicos, de modo que todas as partes da negociação saiam beneficiadas.
  • Comunicação e habilidades expressivas: capacidade para se comunicar e expressar os próprios sentimentos em relação à determinadas situações. Além disso, a comunicação também inclui a capacidade de ouvir às outras pessoas, sendo capaz de estabelecer conversas satisfatórias.
  • Compreensão: capacidade de entender as situações sociais e pessoais e responder a elas de maneira assertiva.
  • Autocontrole: capacidade para compreender e interpretar sentimentos particulares e responder a eles, controlando os próprios impulsos.
  • Resolução de conflitos: capacidade para compreender a realidade de um conflito e buscar alternativas para resolvê-lo, fugindo da agressividade. Uma boa maneira de solucionar um conflito pode ser a negociação.

Habilidades sociais: exemplos práticos

As habilidades sociais são constantemente utilizadas para se relacionar com os outros. De acordo com o nível de habilidade das pessoas envolvidas, a situação evoluirá de maneira diferente. Podemos ver nos exemplos práticos de habilidades sociais apresentados a seguir:

  • Exemplo 1: Marta decide vender sua motocicleta e já tem uma possível compradora. Ambas deverão negociar para poder resolver a situação de forma que todas saiam beneficiadas. No entanto, se essas garotas tiverem escassez de habilidades sociais, essa negociação será difícil. Por exemplo, neste caso, Marta poderia tentar enganar a compradora vendendo a moto por um preço acima do adequado e se a compradora perceber, pode reagir de maneira agressiva e desmedida contra Marta.
  • Exemplo 2: o cachorro do Luís faleceu inesperadamente, o que o afeta emocionalmente. Um de seus colegas de classe tem um déficit de habilidades sociais e, portanto, é incapaz de se colocar no lugar de Luís. Quando Luís decide compartilhar seus sentimentos com seus colegas, o colega responde de forma inadequada, fato que leva Luís a se sentir pior.

Teste de habilidades sociais

O teste mais conhecido para avaliar as habilidades sociais das pessoas é a Escala de Habilidades Sociais de Elena Gismero. É uma escala que é administrada às pessoas a partir dos 12 anos e estima-se que possa ser respondida em aproximadamente 15 minutos. Essa escala é formada por 33 itens que investigam o comportamento habitual do indivíduo em diferentes situações. Esses 33 itens estão subdivididos em 6 escalas: auto expressão em situações sociais, defesa dos próprios direitos como consumidor, expressão de irritação ou desacordo, dizer “não” e cortar interações, fazer solicitações, iniciar interações positivas com o sexo oposto.

Este artigo é meramente informativo, em Psicologia-Online não temos a capacidade de fazer um diagnóstico ou indicar um tratamento. Recomendamos que você consulte um psicólogo para que ele te aconselhe sobre o seu caso em particular.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Habilidades sociais: o que são, tipos, lista e exemplos, recomendamos que entre na nossa categoria de Psicologia social.

Bibliografia
  • García, M. (s.f.). Habilidades sociales en niños y niñas con discapacidad intelectual.
  • Roca, E. (2014). Cómo mejorar tus habilidades sociales. Valencia: ACDE.
  • Tea Ediciones. (s.f.). Escala de Habilidades Sociales.
  • Villasana, N., y Dorrego, E. (2007). Habilidades sociales en entornos virtuales de trabajo colaborativo. RIED, 10(2), 45-74.

 

Escrever comentário sobre Habilidades sociais: o que são, tipos, lista e exemplos

O que lhe pareceu o artigo?

Habilidades sociais: o que são, tipos, lista e exemplos
Habilidades sociais: o que são, tipos, lista e exemplos

Voltar ao topo da página